FinanzeroBlogBenefícios do Governo

Vai ter prorrogação do Auxílio BEm?

Vai ter prorrogação do Auxílio BEm?

Compartilhe esse post:

Com o fim da Medida Provisória, fica suspensa a prorrogação do Auxílio BEm 2021. Contrato de redução salarial e de jornada não têm mais validade.

Estabelecida em 27 de abril de 2021, a Medida Provisória 1.045 que estabelecia a prorrogação do Auxílio BEm deixou de valer. Com isso, os trabalhadores voltam a ser regidos pelo contrato trabalhista original, firmado junto à empresa no momento da contratação.

O Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEm) foi lançado no final de 2020, como uma das medidas de enfrentamento à crise econômica gerada pela pandemia de covid-19. O intuito, segundo o Governo Federal, é proteger os trabalhadores formais e garantir a manutenção dos postos de trabalho, a fim de evitar demissões em massa.

Segundo a Agência Brasil, o BEm alcançou mais de 10 milhões de funcionários em 2020. Na prática, o programa possibilitou que as empresas pudessem, por até 120 dias, reduzir a jornada e o salário dos trabalhadores em 25%, 50% ou 70%. Era possível ainda que a empresa optasse pela suspensão temporária do contrato de trabalho.

Com isso, o governo era responsável por pagar ao trabalhador, mensalmente, o Benefício Emergencial, que corresponde a uma porcentagem da parcela do seguro desemprego que o funcionário teria direito caso fosse demitido. A regra era válida tanto para os trabalhadores com suspensão de contratos, como para quem teve redução de salário e jornada.

BEm 2021: como consultar o meu benefício?

Como fica o trabalhador sem a prorrogação do Auxílio BEm?

Com a suspensão da MP que previa a prorrogação do Auxílio BEm, os acordos de redução de jornada de trabalho e salários ou a suspensão dos contratos deixam de valer. Dessa forma, os contratos firmados anteriormente, com valor e jornada de trabalho integral voltaram a ter validade no final de agosto. Importante dizer que o funcionário não precisa se preocupar em levar ou buscar documentos, isso porque, todo o processo é realizado pela empresa.

Por outro lado, conforme recomenda o Ministério Público do Trabalho, caso não haja regularização do salário após o fim do contrato de redução ou suspensão, é possível realizar uma denúncia na página do órgão.

Além da retomada à carga horária e salário anterior, o trabalhador que foi submetido ao BEm conta agora com a “estabilidade no emprego”. Isso quer dizer que após o fim do contrato, o funcionário não pode ser demitido sem justa causa pelo período equivalente ao de duração do programa.

Quer encontrar as melhores condições de empréstimo pessoal? Acesse FinanZero e simule já!

Ou seja, se o contrato reduziu a jornada e o salário por três meses, o trabalhador tem três meses de estabilidade após o fim do contrato em questão. Da mesma forma, o trabalhador também não podia ser demitido sem justa causa durante o cumprimento do contrato.

Caso a empresa descumpra a regra, estabelecida pelo governo federal como condição para adesão ao programa, será necessário pagar uma multa no valor do salário integral ao funcionário. Vale dizer, no entanto, que a estabilidade não isenta demissões por justa causa ou pedido de demissão vindo do trabalhador.

Ficou mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixa nos comentários. Ah, e não deixe de nos acompanhar nas redes sociais também, para ficar por dentro de tudo: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Como votar na FinanZero para o Prêmio do Reclame Aqui?

FinanZero: quem é a FinanZero, como funciona o prêmio Reclame Aqui e como votar na […]

Ler artigo completo

0 respostas para “Vai ter prorrogação do Auxílio BEm?”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoKeycash – Financiamento e Crédito ImobiliárioSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosCredistar: Empréstimo Pessoal OnlineWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineL&M – Consultoria em meios de pagamentoRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresasStoriesÍndice de Empréstimo
Solicite seu empréstimo