Empréstimo pessoal

Sem letras miúdas, nem burocracia: vem de FinanZero!

empréstimo pessoal

O que é empréstimo pessoal?

Empréstimo pessoal é um dos produtos financeiros mais pedidos em bancos, fintechs ou instituições financeiras. 

É um tipo de transação financeira na qual uma pessoa física recebe um valor em crédito e paga por esse empréstimo em parcelas.

Para fazer um empréstimo pessoal, você deve procurar uma financeira ou um banco que tenha autorização do Banco Central para operar com produtos de crédito nacionais. 

Além disso, é interessante que você analise a reputação dessa instituição. Assim, confirma a qualidade do atendimento prestado e a credibilidade que ela tem no mercado, perante outros clientes.

Uma forma de fazer isso é checando o status dessa empresa no ReclameAQUI. Dê preferência para empresas que têm o selo RA1000, que indica a qualidade máxima de atendimento ao cliente dentro dessa plataforma que é referência em avaliação de reputação.

Empréstimo pessoal e crédito pessoal: qual a diferença?

Não há diferença entre empréstimo pessoal e crédito pessoal. Ambos os nomes se referem ao mesmo tipo de empréstimo. 

Ou seja, tanto pelo empréstimo pessoal quanto pelo crédito pessoal, você solicita um valor emprestado a um banco ou a uma financeira. Em seguida, paga por essa quantia em um determinado número de parcelas que serão compostas por:

  • Parte do valor do empréstimo;
  • A taxa de juros mensal;
  • Outros encargos, como IOF, quando aplicável.

Desse modo, chegando ao CET, sigla para Custo Efetivo Total. Na prática, isso significa o valor total que você vai pagar pelo empréstimo. 

Além disso, em nenhum desses casos você deve pagar nenhum valor adiantado. Taxa de avalista, taxa de aumento do score ou qualquer outra formalização nunca deve ser pago antes de você receber o valor contratado na íntegra, o que só acontece depois da assinatura do contrato.

Por isso, em resumo, quando ouvir falar em crédito pessoal, saiba que ele é exatamente a mesma coisa que um empréstimo pessoal. 

Empréstimo pessoal online, no boleto, no carnê, no cartão de crédito, em débito: qual o melhor?

Quando você pede um empréstimo pessoal, opta pela forma de contratação e pagamento. Existem diversas no mercado. Em primeiro lugar, sobre forma de contratação:

  • Empréstimo pessoal online, cuja contratação é toda feita pela internet;
  • Empréstimo pessoal presencial, pelo qual você tem que ir até uma loja física para pedir o valor e assinar o contrato.

E, agora, sobre formas de pagamento. Por exemplo:

  • Via boleto, no qual você define o melhor dia do mês para pagar;
  • Por carnê, pelo qual você recebe um bloco com todas as parcelas, mês a mês;
  • No cartão de crédito, modelo que usa seu limite do cartão de crédito como margem;
  • Com débito em conta, cuja parcela é descontada de forma própria na sua conta;
  • Ou até via energia elétrica, um dos mais buscados neste ano, já que permite o pagamento via conta de luz.

Cada uma delas tem o seu benefício. Via boleto ou carnê, a facilidade é em ter uma segunda via e poder atrasar, se necessário. Para cartão de crédito ou conta de luz, o ponto positivo é poder pagar com essa fatura de consumo, sem se preocupar com nada a mais. E, por fim, no débito automático é a chance menor de esquecer a validade ou, então, ficar inadimplente.

Há, contudo, uma tendência de juros menores no caso de débito automático, justamente pela dificuldade de atrasar. 

Mas, dentro dessas opções, você pode optar por aquela que melhor se encaixa no seu dia a dia. 

Como pedir empréstimo online?

Agora, falando de empréstimo fácil: crédito pessoal online. Essa possibilidade existe, sim, e é simples de ser acessada. Para tanto, basta seguir o passo a passo:

  • Acesse o simulador da FinanZero;
  • Preencha o formulário com todas as informações pedidas;
  • Aguarde a pré-aprovação dos nossos quase 50 parceiros;
  • Por fim, escolha a opção que melhor dentro do seu bolso. 

A partir daí, você só precisará assinar o contrato desse empréstimo online, o que também é feito de forma digital, para receber o dinheiro na sua conta em até cinco dias úteis. 

Além da vantagem de não precisar pegar filas e nem se estressar com o gerente do banco, pelo empréstimo pessoal online você ainda tem o benefício de poder escolher entre até dez ofertas a que funciona melhor para a sua realidade.

E, sim, contratar empréstimo online é mesmo simples: sem letras miúdas ou asteriscos no rodapé.

Qual a taxa de juros do meu empréstimo pessoal?

Essa é uma pergunta muito importante no processo de contratação de um crédito pessoal. As taxas de juros são aplicadas em valores diferentes de acordo com o perfil do cliente, variando a partir de 1,49% a.m.

Em geral, as melhores taxas são aplicadas àqueles que têm renda mensal fixa e, além disso, têm score mais próximo de 1000. Ou seja, clientes com restrição ao CPF tendem a ter juros mais altos num empréstimo pessoal online. 

No entanto, se você está negativado e quer um empréstimo mais acessível, busque por outros tipos de crédito pessoal. Algumas opções que são atendidas por parceiros da FinanZero, e para as quais, portanto, você pode aplicar pelo nosso formulário, são:

  • Empréstimo consignado: cujo desconto da parcela de crédito pessoal é feita direto na folha de pagamento;
  • Refinanciamento de veículo: também chamado de empréstimo com garantia de veículo, nesse modelo o banco ou a financeira usam o seu carro ou moto são usados como uma segurança de que você cumprirá o contrato;
  • Empréstimo com garantia de imóvel: conhecido ainda como refinanciamento de imóvel, nesse caso sua casa, apartamento ou terreno podem servir como uma garantia de adimplência no seu crédito pessoal.

Onde pedir empréstimo online confiável?

Quem conhece de empréstimo, responde: na FinanZero. Não é por menos. Nós somos:

  • O buscador de empréstimo online líder do mercado;
  • Nota 1000 no ReclameAQUI, site que avalia atendimento de empresas a clientes;
  • Procurados por mais de 10 milhões de pessoas todos os anos.

De forma básica, o que os outros chamam de melhores práticas, nós chamamos de vida real. Temos uma equipe de atendimento especializada para ajudar, em caso de dúvidas, além de excelentes parceiros, o que aumenta em muito a sua chance de achar o crédito pessoal perfeito para você.

Em resumo, a FinanZero é o paraíso para quem precisa de empréstimo pessoal online sem dor de cabeça ou muito trabalho. Então, conheça já o nosso simulador

Por que pedir empréstimo pessoal na FinanZero?

Porque, na FinanZero, seu empréstimo não tem letra miúda. Você sabe de forma precisa:

  • o CET, sigla para Custo Efetivo Total;
  • o valor da parcela por mês; 
  • sua taxa de juros, tanto por mês quanto por ano;
  • outras taxas, como IOF;
  • quanto pagará ao todo no final do empréstimo

Ou seja, é transparência total. Sem pegadinhas nem surpresas ao longo do contrato. Contratou, recebeu, pagou. É simples assim. 

Poder simular empréstimo online, pedir e contratar crédito pessoal sem nenhuma burocracia e pela internet, também é uma vantagem que a FinanZero garante para seus clientes. E o melhor: com toda a segurança que só uma fintech sueca pode assegurar. 

Além disso, a FinanZero tem outra diferença: quase 50 parceiros para os mais diversos tipos de empréstimo. Mas o que isso quer dizer, na prática? Em resumo, quer dizer que com um único cadastro, todos os nossos parceiros analisam o seu perfil e você pode receber até dez ofertas de crédito pessoal. Portanto, pode escolher o melhor custo benefício para você.

É simples, então, dizer que com a FinanZero você economiza no seu empréstimo pessoal online. Afinal, ao buscar a menor taxa de juros disponível, você escolhe a melhor opção para o seu bolso. 

Bom, agora é só se jogar:

  • Em primeiro lugar, SIMULE seu empréstimo;
  • Em até 48h, você receberá até dez ofertas de crédito pessoal;
  • E, em seguida, escolhe a melhor para o seu bolso;
  • Por fim, como bom empréstimo online, assina seu contrato de forma digital. Em até cinco dias úteis, o dinheiro está na sua conta 🙂

Quem são os parceiros da FinanZero?

Aqui na FinanZero, os processos são super fáceis e claros:

  • Você busca;
  • A gente te conecta com os parceiros; 
  • E eles garantem as melhores ofertas de empréstimo.

Assim, o melhor custo benefício é uma opção viável para você. 

Mas, para fazer isso acontecer, temos quase 50 parceiros, que vão de bancos a fintechs conceituadas. Todos eles, é claro, seguindo o padrão FinanZero de qualidade que, em resumo, zela pela sua segurança sem abrir mão das melhores taxas.

Por isso, faz o melhor crédito pessoal quem simula com a FinanZero. Afinal, só assim você tem análise de crédito com essas quase 50 instituições com um único cadastro. 

Agora, se você quiser saber quem são esses parceiros, um por um, basta clicar aqui

Como funciona a análise de crédito?

Ao falar em análise de crédito é importante saber como isso funciona. 

Antes de mais nada, vale dizer que a análise de crédito é uma parte crucial do seu processo de contratação de empréstimo pessoal, seja ele um crédito online ou não. Isso porque é por meio da análise de crédito que o banco ou a financeira entende melhor o seu perfil. E, a partir desse perfil, avalia a melhor taxa de juros para você.

Portanto, vamos ao que é a análise de perfil. Um credor analisa o seu perfil com base em dados como

  • score,
  • renda,
  • tipo de ocupação; e
  • status do seu CPF. 

Ou seja, qual a chance de você cumprir um acordo de empréstimo pessoal ou de inadimplência.

Por isso, essa etapa do processo é inevitável. E, além disso, é relevante que você sempre preencha o máximo de dados possíveis para que sua análise de crédito seja perfeita. 

Pode parecer uma burocracia sem necessidade entregar documentos como:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de endereço; e
  • Declaração de renda.

Mas é por meio desses dados que um banco dita a melhor taxa de juros para você. Enfim, preencher o formulário com precisão pode lhe ajudar a economizar. Então, dedique um tempo para essa etapa 🙂

O que é score e por que é importante para o empréstimo?

A gente falou sobre o score, lá em cima, e você já deve ter notado que ele é parte crucial do seu crédito pessoal, né?

Em suma, o score é uma nota de 0 a 1000 que indica a sua probabilidade de ficar em dia em uma dívida. É o caso de um empréstimo, por exemplo. Quanto mais perto de 0, pior o seu score. Por outro lado, quanto mais perto de 1000, maior o score.

Diretamente, isso interfere no vínculo que as financeiras e os bancos terão com você: pelo risco que você representa, de acordo com essa nota.

Pois é, ele tem um papel muito forte na sua chance de aprovação e, também, na sua taxa de juros. Isso porque o score diz qual é o seu histórico de pagamento das suas dívidas. Por exemplo, é pelo score que:

  • As instituições sabem se você está com restrição no CPF;
  • Se você tem alguma dívida em aberto sendo paga em dia;
  • Ou, então, alguma dívida concluída sem atrasos.

Isso em resumo: o score é a sua fama de bom ou mau pagador. 

Por isso, pessoas que estão negativadas têm taxas de juros maiores. Porque, pelo score, os bancos ou as fintechs notam que o seu histórico é de inadimplência. Nem sempre isso é real: você pode estar com restrição por causa de alguma emergência, por exemplo. No entanto, para o credor, a razão da inadimplência não é relevante. 

Meu score abaixa se eu pedir um empréstimo pessoal?

Um score baixo significa que as empresas que oferecem qualquer tipo de crédito podem te ver você como um mau pagador, ou alguém que pode estar com problemas financeiros. Na prática, isso significa um desafio bem maior em conseguir empréstimos, financiamentos ou qualquer outro tipo de crédito. Contudo, ao solicitar um empréstimo pessoal, o score tende a permanecer na mesma linha.

Isso, claro, se você não atrasar nenhuma parcela e nem pedir mais de um tipo de crédito pessoal ao mesmo tempo sem terminar de quitar as parcelas do primeiro. 

Quais documentos são necessários?

Quando você pede um empréstimo pessoal, você precisa mostrar ao banco ou à financeira que está apto a cumprir com as obrigações que assumiu ao pedir aquele valor. 

Portanto, você precisa dar dados que permitam ao banco ou à financeira a avaliar o seu status financeiro. Vamos, então, aos dados necessários para isso:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Documento de comprovação de renda.

Por meio desses documentos, a instituição fica apta a fazer a sua análise de crédito. Entendendo o seu perfil, a empresa que concede o crédito indica o valor liberado para você, a taxa de juros e o prazo máximo para pagamento.

Às vezes, essa pré-aprovação não é exatamente a esperada. Mas é importante para evitar situações de comprometimento da sua renda maior do que você é capaz de arcar. Portanto, é, indiretamente, uma forma de proteção a você. 

Por isso, seja realista ao estabelecer o valor e o prazo que precisa. E, além disso, forneça todos os detalhes pedidos. Desse modo, você fica sujeito a uma análise mais coesa e próxima da sua realidade. 

Depósito antecipado para empréstimo existe?

Não, não é necessário pagar nada antecipado pelo seu emprestimo! Também conhecido como taxa de liberação de crédito, ou ainda taxa de avalista. O depósito antecipado para empréstimo não é apenas uma estratégia ou tentativa de lucrar por meio de um golpe como também é crime de acordo com a lei brasileira. 

Nenhuma instituição financeira séria e certificada pelo Banco Central cobra taxas para liberar o seu empréstimo. Se a empresa que você estiver contratando solicitá-lo, significa que estão tentando te aplicar um golpe.

A FinanZero não faz nenhuma cobrança antecipada e nem mantém contato por canais não oficiais da marca. 

Por que meu empréstimo não foi aprovado?

Agora que falamos de análise de crédito, de score e dos documentos necessários, vamos falar de casos de recusa. Pois é, infelizmente, isso acontece: emprestimo pessoal não aprovado.

Em geral, um crédito pessoal é liberado para você seguindo algumas diretrizes. Por exemplo: 

  • Estar abaixo de 30% do seu rendimento mensal;
  • Não encavalar com outras dívidas, como outros empréstimo;
  • Para aqueles que entregam todos os dados e, além disso, são transparentes nas informações pedidas.

Por isso, as dicas para aumentar sua chance de sucesso em um emprestimo online são: 

  • se ater a um valor que cabe na faixa de 30% do seu salário; 
  • ter uma organização das suas dívidas, o que melhora a avaliação de risco do banco ou da financeira;
  • e, por fim, preencher toda a documentação pedida, com carinho.

Lembre-se: esse empréstimo é importante para você – e para nós também. Queremos que todos tenham acesso a crédito pessoal sem burocracia, mas, para isso, precisamos trabalhar juntos pela adimplência. Portanto, faça uma avaliação realista do seu status financeiro antes de pedir um empréstimo.

Ah, caso você tenha dificuldades de fazer isso, venha bater um papo conosco pela central de atendimento ou, então, pelas nossas redes sociais: @finanzero no Instagram; FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

É simples e confiável! Peça seu empréstimo pessoal agora

Faça seu pedido:

Ao entrar no site, escolha o valor do seu empréstimo pessoal, o número de parcelas e preencha o cadastro até o final com os seus dados. O processo é inteiro online!

BCA

Escolha seu empréstimo pessoal:

A partir do cadastro, seu pedido será analisado e pode ser pré-aprovado por até 10 instituições financeiras! Assim, você consegue escolher qual a oferta que melhor cabe no seu bolso.

A

Receba o dinheiro na conta:

Após ter escolhido uma oferta, você deve confirmar seus dados pessoais. Em caso de aprovação, é só assinar o contrato e pronto!

Perguntas frequentes sobre empréstimo pessoal

Devo pagar valores antecipados?

Não! Essa é uma prática ilegal, de acordo com o Banco Central.

Você só deve pagar o valor das parcelas quando receber o valor do empréstimo de forma integral na sua conta.

Além disso, só deve recorrer a bancos ou fintechs que tenham autorização para conceder empréstimos.

No mais, desconfie se você for cobrado de algum valor antecipado, sobre qualquer argumento, como, por exemplo:

  • taxa de avalista
  • abertura de contrato
  • aumento de score.

Questione a empresa. Além de a maioria dessas taxas serem ilegais, elas nunca podem ser cobradas de forma adiantada.

Enfim, se isso acontecer com você, fuja. Esse pode ser um sinal de golpe ou então de uma empresa que não age de acordo com a regulamentação, o que pode indicar problemas no futuro, não é mesmo?

Preciso passar por uma análise de crédito para conseguir empréstimo?

Sim! Essa é uma parte muito importante do processo de crédito, independente da modalidade. Seja refinanciamento, empréstimo pessoal ou com outro tipo de garantia, por exemplo, o seu perfil é uma parte crucial da determinação de:

  • taxas de juros;
  • prazo de pagamento;
  • e, por fim;
    do valor liberado para você.

Por isso, esteja atento à sua realidade financeira quando pedir um empréstimo. Nunca peça valores cujas parcelas sejam maiores do que 30% do seu rendimento mensal. Portanto, calcule bem o quanto ganha, de quanto precisa e qual o prazo para concluir esse contrato.

Isso não só te ajuda a conseguir taxas de juros melhores para você quanto agiliza o processo de análise. E, afinal de contas, quem precisa de empréstimo tem pressa, não é mesmo?

Tenha em mãos documentos como:
  • CNH ou RG e CPF;
  • Comprovante de renda;
  • Declaração de endereço; e
  • Documentos de bens, se for fazer um empréstimo com garantia.

Isso porque, com esses dados, você agiliza o processo de pedido. Então, agiliza o seu recebimento.

Score alto é um fator importante para conseguir empréstimo?

Sim. Quanto mais alto, maiores são suas chances de conseguir um empréstimo pessoal.

Isso porque o score, uma pontuação de 0 a 1000, indica a sua fama de bom ou mau pagador.

Ou seja, pelo seu score, analisa-se o seu histórico de pagamento. Portanto, ele é crucial para determinar pontos importantes do seu empréstimo, como taxa de juros e valor final liberado.

Para saber quanto é a sua pontuação, verifique em sites de órgãos de proteção de crédito, como o Consumidor Positivo. Assim, você tem em mãos os seus pontos e consegue, dessa maneira, saber melhor a sua realidade diante do mercado. 

Ah, uma coisa importante de salientar: pessoas negativadas, em geral, têm score mais baixo, em função da inadimplência. No entanto, quando você quita essa dívida, volta a aumentar os seus pontos. 

Então, se puder, fique em dia com as contas. 

No mais, mesmo se seu score for baixo, NUNCA pague nenhum valor antecipado, nem mesmo sob o pretexto de aumentar a sua pontuação, ok? Depósito antes de receber empréstimo é crime! 

Posso pedir empréstimo mais de uma vez?

Sim! Assim que quitar o empréstimo você pode solicitar um novo.

Ao mesmo tempo, no entanto, não é recomendado ter diversos empréstimos.

Isso porque, quanto mais empréstimo você tiver ao mesmo tempo, maior a chance de inadimplência. Portanto, maior o risco para você ficar endividado. Por consequência, maior é a tendência de juros altos serem aplicados a você.

De novo, vale salientar que é importante nunca comprometer mais do que 30% do seu salário com uma parcela de crédito pessoal. Afinal, você segue com os custos normais da vida, além do valor desta parcela.

Então, planeje-se. É preferível pegar um valor mais alto de uma única vez do que diversos empréstimos pequenos picados. Enfim, assim você paga juros apenas uma vez e, do mesmo modo, consegue organizar sua vida financeira.

Se precisar de mais dicas, manda mensagem para a gente! Estamos sempre à disposição para tudo o que você precisar.

Negativados também podem solicitar empréstimo?

Sim! Restrição no nome não impede que você dê entrada em um empréstimo.

Há, sim, bancos e fintechs que não trabalham com aqueles que têm negativação.

Contudo, nós temos entre os nossos quase 50 parceiros diversas financeiras que atendem esse público.

Por isso, não deixe de fazer sua simulação por causa de uma negativação.

Muito embora isso pode afetar o seu score o que, por consequência, afeta sua análise de crédito, não é um impeditivo para que você consiga um crédito pessoal com um de nossos parceiros.