Existem duas formas de reduzir o valor das parcelas do financiamento imobiliário e a taxa de juros da dívida

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) registrou recorde de endividamento das famílias em abril de 2020. Os dados publicados no último dia 14 por meio da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) indicou que 66,6% dos núcleos familiares do Brasil possuíam dívidas.

A pesquisa foi divulgada no centro da quarentena do coronavírus. E o percentual recorde reflete a situação dos brasileiros, que lidam com a estagnação da economia decorrente da quarentena. O isolamento social, a principal recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), acarretou malefícios para a saúde das economias de todo o mundo.

Além de desfrutar de medidas do governo, que têm concentrado esforços na liberação de benefícios, em especial o auxílio emergencial, muitos brasileiros estão revendo seus orçamentos. Negociar dívidas a fim de conseguir juros melhores é uma opção para evitar a inadimplência.

Veja abaixo 2 formas de negociar o financiamento imobiliário, a fim de conseguir taxa de juros melhores e parcelas com menor valor.

Veja também – Simule seu empréstimo e encontre as melhores taxas de juros do mercado!

Portabilidade do financiamento imobiliário

A portabilidade do financiamento imobiliário é a prática de passar a dívida de um financiamento de uma instituição financeira para outra. Ou seja, transferir o saldo devedor para outro banco ou fintech que ofereça melhores condições de:

  • taxas de juros;
  • e/ou parcelamento;

Como fazer a portabilidade do financiamento imobiliário?

Para fazer a portabilidade do financiamento imobiliário, a pessoa terá que entrar em contato com o banco que deseja que seja o novo credor. Assim, este banco que fará a transferência da dívida, ao dialogar com a financeira anterior:

  1. Faça uma busca de quais instituições financeiras oferecem a portabilidade do financiamento imobiliário;
  2. Então, realize simulações da transferência da dívida (geralmente este processo pode ser feito totalmente online, em sites ou aplicativos das financeiras);
  3. Aceite ou recuse a proposta da simulação da transferência da dívida;
  4. Em caso de aceite, a nova financeira entrará em contato com a antiga, com a qual o financiamento imobiliário foi feito em um primeiro momento;

Com o crescente número de fintechs no Brasil nesta última década, o mercado de crédito expandiu. Na prática, isso significa mais opções de condições para os consumidores.

Veja também – Como funciona a amortização do financiamento imobiliário?

O que é amortização da dívida?

É importante notar que este termo pode ser utilizado de diferentes formas no financiamento:

  1. No contrato estabelecido, a amortização significa a forma como esta dívida será paga;
  2. Após o contrato ser fechado e o cliente buscar acelerar o pagamento da dívida, este ato também chama-se amortização;

Como amortizar as últimas parcelas do financiamento imobiliário?

O devedor pode entrar em contato com a instituição financeira para tentar negociar o pagamento das parcelas remanescentes. Um novo prazo, valor das parcelas ou da taxa de juros pode surgir com a negociação.

Geralmente, nos estágios finais do financiamento imobiliário é possível conseguir condições melhores de pagamento. Mas em meio à crise do coronavírus, as instituições financeiras podem estar mais abertas a esse tipo de negociação, minimizando o risco de inadimplência do consumidor.

Caso a negociação não tenha um fim favorável, o cliente pode tentar a portabilidade do financiamento imobiliário.

Como amortizar o financiamento do imóvel com FGTS?

Caso a pessoa possua reserva no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), e não tenha feito nenhuma retirada nos últimos dois anos, o valor pode da conta pode ser utilizado para pagamento do financiamento imobiliário.

Como amortizar o financiamento do imóvel com o 13º salário?

Para fazer este pagamento, basta a pessoa receber o 13º salário e direcioná-lo para a quitação das parcelas.

Ficou com mais alguma dúvida sobre como diminuir as parcelas do financiamento do imóvel? Deixe nos comentários, e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.