Saque-aniversário: como fazer, qual o saldo mínimo, por que não consigo fazer, quanto tempo demora e como é paga a modalidade de crédito

O saque-aniversário é uma opção de retirada do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e consiste no saque do valor disponível uma vez por ano, no mês do aniversário do solicitante e nos dois meses seguintes. A escolha da modalidade é feita pelo cidadão que deve ser informada à Caixa Econômica, caso contrário o saque permanece com retirada no momento escolhido pelo indivíduo.

A opção está disponível desde 2019 e mais 9,7 milhões de pessoas a utilizam, segundo a Caixa Econômica Federal. Mas, com a possibilidade de antecipação do benefício muitas dúvidas podem ser geradas na população que deseja aderir à modalidade. Por isso, abaixo estão as principais questões sobre o assunto, principalmente sobre como é feito o pagamento do crédito.

Como tirar o PIS pela primeira vez?

Como fazer o empréstimo do saque-aniversário online?

O empréstimo do saque-aniversário é uma linha de crédito proposta pela Caixa Econômica que tem relação com as parcelas do FGTS. A modalidade é chamada de antecipação do saque-aniversário pelo recebimento das parcelas de forma antecipada. Dessa forma, o solicitante recebe o valor desejado e paga por ele por meio do valor depositado na conta do FGTS.

Para contratar essa modalidade de empréstimo o cidadão pode entrar em contato com as instituições que a oferecem e verificar quais são os documentos solicitados. Atualmente os bancos que realizam a antecipação do saque-aniversário são:

  • Banco do Brasil;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Itaú Unibanco;
  • Pan;
  • BMG;
  • C6 Consignado;
  • Sicredi;
  • Daycoval;
  • Inbursa;
  • J. Safra;
  • Banco Mercantil do Brasil;
  • Facta Financeira;
  • Fiducia Sociedade de Crédito;
  • QI Sociedade de Crédito Direto;

As condições relacionadas a linha de crédito em questão podem variar de acordo com o banco que a oferece. Então, os solicitantes podem encontrar variações de saldo mínimo, quantidades de parcelas que poderão ser antecipadas, porcentagem de juros e demais questões que envolvem o crédito.

Qual o saldo mínimo para antecipar saque-aniversário?

O valor mínimo que o cidadão precisa ter em sua conta do FGTS para que a antecipação seja aceita pode variar dependendo da instituição. Como comentado, cada financeira pode obter diferentes condições relacionadas ao empréstimo, por isso, é válido verificar qual o valor mínimo solicitado pelo banco escolhido.

Sou autônomo, como declarar Imposto de Renda?

Porque não consigo antecipar meu saque-aniversário?

A antecipação do saque-aniversário conta com um processo mais simples e rápido de aquisição e os juros são mais baixos do que das demais modalidades. Contudo, o empréstimo pode não ser liberado por algumas questões, como:

  • Valor disponível na conta abaixo do solicitado;
  • Não ter conta poupança ou corrente;
  • Estar com créditos em atraso;

Dessa forma, o valor total encontrado na conta do solicitante, sendo ativa ou inativa, precisa estar de acordo com o solicitado pela instituição. Uma outra condição imposta para a liberação do crédito é o uso de conta poupança ou corrente, isso porque contas em conjunto e do tipo salário não são aceitas por grande parte das financeiras.

Créditos em atrasos também podem ser um impedimento para que o cidadão consiga a antecipação de seu saque-aniversário. Por isso, antes de solicitar a modalidade, o recomendado pelos bancos é que as demais operações financeiras sejam quitadas ou que parcelas em atraso sejam regularizadas.

Quanto tempo demora para cair o empréstimo saque-aniversário?

De acordo com a Caixa Econômica, o cidadão que optar pela modalidade de crédito poderá receber o valor desejado em até 24 horas. Porém, cada banco que oferece a antecipação do saque pode contar com diferentes condições de funcionamento. Por isso, o tempo de demora para cair a quantia solicitada pode variar de instituição para instituição.

Como é pago o empréstimo do saque-aniversário?

O pagamento do saque-aniversário é feito utilizando o valor do FGTS. Ao adquirir o empréstimo, o banco credor recebe as parcelas disponibilizadas no FGTS como forma de pagamento. Sendo assim, a conta do indivíduo fica bloqueada e conforme comentado, será novamente liberada após todas as parcelas do crédito estarem quitadas.

Após o pagamento da modalidade, o cidadão pode solicitar novamente a antecipação do saque-aniversário. O desbloqueio da conta acontece em até 7 dias úteis e o valor do FGTS volta a ser depositado uma vez ao ano, assim como acontecia antes do pedido de crédito.

Como liberar o FGTS pelo aplicativo?

E então, restou mais alguma dúvida sobre como é pago o empréstimo do saque-aniversário? Se sim, deixe aqui o seu comentário que nós lhe ajudamos.

Além disso, siga a FinanZero nas redes sociais para mais dicas e para nos acionar quando quiser: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.