FinanzeroBlogCrédito

É possível comprar carro sem entrada?

É possível comprar carro sem entrada?

Compartilhe esse post:

Os consumidores que desejam comprar carro sem entrada, podem recorrer ao consórcio de veículos.

De acordo com a pesquisa Índice de Mobilidade do Consumidor, sete em cada dez brasileiros pretendem adquirir um carro em 2024. Entretanto, conforme o Índice FinanZero de Empréstimo tem apontado desde setembro do ano passado, o maior impeditivo para a realização deste objetivo é a falta de recursos financeiros, apontada por 79,2% dos entrevistados.

Neste caso, é comum que os consumidores busquem por opções que possibilitem comprar carro sem entrada, como é o caso do consórcio.

É possível comprar carro sem entrada?

Sim, apesar de diversos consumidores recorrerem ao financiamento quando desejam adquirir um automóvel, quem busca pela opção de compra sem entrada pode contar com o consórcio. Na prática, essa é uma modalidade que funciona como um autofinanciamento coletivo, isso porque, diversas pessoas que pretendem comprar um veículo são reunidas em um grupo de consórcio e, mensalmente, efetuam pagamentos a um fundo comum.

Com este dinheiro depositado mensalmente pelos consorciados, são disponibilizadas as cartas de crédito, que nada mais são do que documentos com o valor solicitado pelo consumidor no início do contrato. A concessão das cartas ocorre, principalmente, via sorteio, durante as assembleias, contudo, quando há recursos suficientes no fundo, a administradora responsável pela operação também permite a oferta de lances, que possibilita ao consumidor adiantar a contemplação.

Como escolher o melhor seguro para carro de luxo?

Como comprar carro sem entrada?

Conforme mencionado, a melhor opção para quem deseja comprar carro sem entrada é o consórcio, já que não há a exigência de nenhum pagamento para aderir à modalidade. A seguir, explicamos todas as etapas.

Adesão

A adesão ao consócio é a etapa de formalização do contrato, portanto, após pesquisar sobre as administradoras que oferecem o segmento de consórcio de veículos e optar pela empresa com as melhores condições, é o momento de formalizar a adesão, isso é, assinar o contrato. Contudo, é importante destacar que, na etapa de pesquisa sobre a administradora, é essencial verificar se a mesma possui autorização para atuar e se há reclamações registradas em órgãos do consumidor, como o Procon.

Além disso, antes de assinar o contrato, o interessado deve ter atenção a todas cláusulas e, se houver dúvidas, saná-las imediatamente, a fim de evitar surpresas desagradáveis.

Pagamento das mensalidades

Concluída a adesão ao consórcio, o consumidor precisa iniciar o pagamento das prestações, que acontece mensalmente e é disponibilizado via boleto físico e/ou digital. A quantia paga, como já explicado, é enviada ao fundo comum para que, junto às demais quantias dos consorciados participantes do grupo, constitua a carta de crédito que será contemplada.

Participação nas assembleias

As assembleias são organizadas pela administradora responsável, e costumam acontecer mensalmente. É neste momento em que são realizados os sorteios e, após essa etapa, se houver recursos suficientes no fundo comum, os consorciados têm a possibilidade de ofertar lances. É importante destacar que somente poderá participar dos sorteios ou ofertar lances o consorciado que estiver com os pagamentos em dia.

Contemplação

Quando a contemplação ocorre mediante oferta de lance aceita, o participante tem o prazo de até cinco dias úteis para efetuar o pagamento do boleto com o valor oferecido em assembleia. Se o pagamento quitar o saldo devedor, ou seja, não restar nenhuma quantia a ser paga, o consorciado deixa de ter obrigações junto à administradora e o contrato é finalizado. O mesmo vale quando a contemplação ocorre via sorteio no final do contrato, em que as prestações já foram quitadas.

No entanto, se ainda restarem parcelas a serem pagas, seja via sorteio ou lance, a administradora pode exigir a apresentação de uma garantia por parte do consumidor, que normalmente tende a ser o próprio veículo que será adquirido. Essa prática é chamada de alienação fiduciária, e é utilizada para evitar inadimplência, porque se o consorciado deixar de arcar com as mensalidades restantes, a empresa pode tomar o bem em questão e leiloá-lo, a fim de quitar o saldo devedor.

Como funciona o consórcio com parcela reduzida?

Entrega de documentação

Outra etapa importante e atrelada à contemplação da carta de crédito é a entrega da documentação. De modo geral, são solicitados:

  • Documento de identificação com foto e CPF
  • Comprovante de renda
  • Cópia da declaração do Imposto de Renda
  • Comprovante de residência
  • Comprovante de estado civil
  • Certificado de Registro do Veículo
  • Proposta de venda ou prestação de serviço

É de responsabilidade do consumidor entregar a documentação corretamente, caso contrário, pode haver impedimentos na liberação da carta de crédito.

Análise de crédito

Feita a entrega da documentação, a administradora realizará a análise de crédito, que visa identificar o histórico de consumo e pagamento do consorciado mas, principalmente, verificar se o mesmo possui restrição no CPF. Isso porque, se o contemplado estiver com o nome sujo, a carta de crédito será bloqueada e enviada a um fundo de investimento, onde ficará rendendo até que o consumidor regularize a situação de seu CPF. Por outro lado, se o mesmo não possuir qualquer tipo de pendência, a carta é liberada.

Compra do veículo

Por fim, a última etapa é a compra do carro. O dinheiro liberado via carta de crédito não é depositado ao consorciado, na prática, a administradora liberará somente o documento que identifica a quantia disponível e, após o consumidor adquirir o veículo, a administradora é responsável por enviar a quantia diretamente à empresa ou pessoa física que vendeu o bem.

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixa nos comentários. E para ficar por dentro desse e outros temas, não deixe de acompanhar a FinanZero por aqui e nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Como escolher o melhor seguro para carro de luxo?

Aprenda como escolher o melhor seguro para carro de luxo e quais são os principais pontos analisados pelas seguradoras que aumentam o valor

Ler artigo completo

0 respostas para “É possível comprar carro sem entrada?”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasFlip – Empréstimo para Pessoa JurídicaZippi – Empréstimo para Pessoa JurídicaJuvo – Empréstimo com garantia de celularBanco Inter – Crédito Consignado OnlineMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineL&M – Consultoria em meios de pagamentoRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresas
Solicite seu empréstimo