Auxílio emergencial para pessoas que nasceram em setembro fica disponível para saque e transferência hoje

De acordo com calendário no site da Caixa Econômica hoje (20) o banco libera saque a última parcela do auxílio emergencial de nascidos em setembro. A partir de hoje essas pessoas pode não só sacar, como também transferir, essa parcela é para pessoas que não fazem parte do bolsa família.

O dinheiro do auxílio emergencial disponível para saque corresponde aos depósitos dos ciclos cinco e seis e abrange 3,5 milhões de pessoas. Além disso, até 13,6 milhões ainda receberão parcelas, dos meses de novembro e dezembro, até dia 27. Se acaso você recebia o benefício e nasceu entre janeiro e agosto as datas já passaram.

O saque pode acontecer nas agências da Caixa, de 8:00 a meio dia e, de acordo com a caixa, todos são atendidos no mesmo dia. Você também pode sacar em lotéricas, correspondentes Caixa Aqui ou caixas eletrônicos.

Para fazer o saque em caixas eletrônicos você pode gerar um código pelo app Caixa Tem, na opção saque sem cartão. Depois de inserir sua senha o código será gerado, ele tem validade de uma hora e você pode ir direto a um caixa eletrônico, casa lotérica ou Caixa Aqui. Pelo app você também pode fazer transferências, com limite de R$ 600 por dia.

Calendário de pagamento

O calendário com as datas de saque e transferência para 2021 está disponível no site da Caixa. De acordo com ele são essas as datas:

  • Em primeiro lugar quem nasceu em março recebeu em 4 de janeiro;
  • Os que nasceram em abril puderam sacar e transferir em 6 de janeiro;
  • Em seguida os do mês de maio, que puderam fazer isso em 11 de janeiro;
  • Pessoas que nasceram em junho receberam o auxílio no dia 13 de janeiro;
  • Logo depois os que nasceram em julho, que sacaram auxílio no dia 15 de janeiro;
  • Os que nasceram no mês de agosto receberam dia 18 de janeiro;
  • Em seguida recebem hoje, dia 20, os que nasceram em setembro;
  • Para as pessoas que nasceram no mês de outubro a data é 22 de janeiro;
  • No dia 25 de janeiro os que nasceram em novembro;
  • E, por fim, dia 27 de janeiro os nascidos em dezembro

Veja: Como se cadastrar nos cursos online do Sebrae?

Auxílio emergencial

O Governo Federal declarou em abril o início do auxílio emergencial, que veio para ajudar pessoas afetadas pela pandemia. O foco desse benefício eram:

  • As pessoas com cadastro de MEI;
  • Bem como os autônomos;
  • E também os trabalhadores informais com cadastro único

O valor inicial desse auxílio, que teve até 6 parcelas, era de R$ 600, mas mães líderes de família recebiam o dobro. Após o fim dessas seis parcelas, o governo criou o auxílio de R$ 300, em que mães líderes de família também recebiam o dobro. Entretanto esse auxílio terminava em dezembro, independente do número de parcelas que você teria. Então você poderia receber até três parcelas.

Se você, por exemplo, começou a receber em abril receberia três parcelas desse benefício, terminando em dezembro. Mas se você começou a receber em julho, suas parcelas do auxílio inicial terminariam em dezembro e você não receberia as de R$ 300.

Esse auxílio não continuará para o ano de 2021, de acordo com o Ministro Paulo Guedes, pois o orçamento para tal comprometeria o ano.

Leia: Empréstimo Nubank: a opção sumiu do aplicativo

Se você precisar de dinheiro após o fim do auxílio e decidir procurar um empréstimo, não deixe de conferir o site da FinanZero. Aqui comparamos em vários lugares para achar as melhores condições pro seu bolso.

Por fim, não esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram; FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.