Como o empréstimo consignado é o tipo ideal para quem procura taxas menores e não quer se preocupar em perder as datas de pagamento.

Pedir um empréstimo é uma forma rápida e eficiente de quitar suas dívidas – ou, pelo menos, substituí-las por opções mais baratas. Debaixo do guarda-chuva do termo “empréstimo”, existem inúmeras modalidades de pedido de crédito. Uma delas é o empréstimo consignado. Mas, afinal, o que é empréstimo consignado?

Como funciona o empréstimo consignado?

Como qualquer tipo de pedido de crédito, o consignado está sujeito a aprovação das instituições financeiras. Os bancos e financeiras precisam saber se você é um bom pagador, se terá condições de arcar com as parcelas desse pedido, etc.

Este tipo de empréstimo, no entanto, é um pouco mais fácil de conseguir do que os outros, já que o pagamento da parcela é feito de forma indireta, retirado diretamente da sua folha de pagamento ou de benefícios.

Isso significa que eu não preciso pagar?

Claro que precisa, porém, não precisará se preocupar com as datas de vencimento e com a “ação” de pegar o seu boleto e pagar. O valor da parcela já virá descontado na sua fonte de renda, seja ela salário ou benefício. Logo, você terá em mãos o seu dinheiro líquido, com a parcela da dívida já paga.

Para solicitar esse tipo de empréstimo, o processo é basicamente o mesmo de qualquer outro. Separe os seguintes documentos:

  • RG
  • CPF
  • Comprovante de residência
  • Contracheque 

Leve até o banco de sua escolha e solicite o seu empréstimo com o gerente. Após a análise do seu crédito e do seu perfil, a instituição pode aprovar ou não o seu pedido.

Você sabia que o empréstimo consignado é uma das modalidades mais fáceis de conseguir a aprovação? Pois é, e isso se deve ao fato de a chance de o cliente atrasar o pagamento ser praticamente nula.

Como o desconto acontece antes mesmo do seu contracheque ou benefício chegar em suas mãos. É improvável que você esqueça de pagar a sua parcela do empréstimo. Essa garantia facilita a aquisição de crédito, pois você se encaixa ao perfil do “bom pagador” aos olhos das instituições financeiras.

Veja também – Simule seu empréstimo pessoal e receba ofertas pré-aprovadas em até 5 minutos!

Como os bancos olham para o empréstimo consignado?

Em tempos de crise econômica, também é a modalidade preferida dos bancos e financeiras, já que o número de pessoas inadimplentes (que não pagam a dívida) normalmente aumenta, o que não ocorre neste caso, já que a garantia de pagamento é certeira.

Para você ter uma ideia, segundo o jornal Folha de São Paulo, o volume de empréstimos consignados oferecidos a idosos em 2018 teve um aumento de 16% – foi de R$ 4 bilhões para R$ 30,2 bilhões! É bastante coisa, o que prova que não tem tantas burocracias para conseguir esse crédito.

Bem como, ao contrário de outros tipos, como refinanciamentos, você não precisa de um bem para dar garantia ao seu pedido. Basta estar dentro do seu perfil e ter um histórico financeiro consistente .

A vantagem do consignado em relação ao cartão de crédito ou cheque especial, por exemplo, é a taxa de juros, que gira em torno de 2,5% a.m. É uma baita diferença se comparado com os 15% do cartão de crédito, não acha?

Quero fazer um empréstimo consignado!

Fala sério, com esse tanto de vantagem, quem não quer, não é mesmo? Porém, como nem tudo são rosas, o crédito consignado também tem as suas desvantagens. Uma delas é a restrição de perfil, ou seja, não é todo mundo que consegue pedi-lo.

Para conseguir fazer essa solicitação, é preciso ter uma renda fixa mensal e formas de comprová-la. Por isso, quem têm o direito de pedir o consignado são os:

  • Aposentados e pensionistas do INSS;
  • Servidores públicos;
  • Militares das Forças Armadas; 
  • Trabalhadores de algumas empresas privadas.

Outra desvantagem é a impossibilidade de trocar a data em que a parcela é cobrada. Por estar vinculada à sua renda mensal, ela é descontada no dia em que seu salário ou benefício entra na conta – nem antes nem depois.

Enquanto não quitar a sua dívida, você terá acesso a menos dinheiro do que estava acostumado, mas isso acontece no caso de qualquer empréstimo, e não só no consignado.

Do mesmo modo, essas são as duas desvantagens mais expressivas desse tipo de crédito – no geral, as vantagens acabam sendo muito maiores e com melhor custo-benefício. Por isso, se você faz parte do grupo que pode pedir empréstimo consignado, aproveite.

Lembrando que as taxas são pré-fixadas, evitando surpresas na hora de pagar, e você consegue um valor cujas parcelas comprometam até 30% da sua renda mensal.

É que eu estou negativado…

Não tem problema! Outra vantagem desta modalidade é que, mesmo negativado, você pode solicitar o seu empréstimo. Claro que você também passará pela análise de crédito, mas, como o desconto da parcela acontece diretamente na fonte.

Por outro lado, se você está atrás de quitação de dívidas, realizar algum sonho ou viagem, invista sem medo no empréstimo consignado! Se tiver alguma dúvida ou quiser alguma dica, converse com a gente – estamos aqui para te ajudar a ter a melhor experiência possível de empréstimos.

Ainda mais, caso você já tenha tentado o consignado e teve seu pedido negado, não precisa ficar triste ou desesperado. Existem outras modalidades que podem te atender tanto quanto o empréstimo consignado. Já pensou em tentar o empréstimo pessoal?

Ficou com mais alguma dúvida? Deixe nos comentários, e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.