O cartão Bolsa do Povo, programa de assistência social, já começou a ser distribuído às famílias no Estado de São Paulo e pretende alcançar mais de 2 milhões de pessoas.

Na segunda quinzena de agosto de 2021 começou a ser enviado, via Correios, os cartões do Bolsa do Povo. Conforme divulgação do governo do estado de São Paulo, o programa vai beneficiar mais de 2 milhões de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

O intuito do cartão é abranger todos os auxílios disponíveis no programa, no entanto, até o momento apenas dois estão disponíveis: o Vale Gás e o São Paulo Acolhe. Vale ressaltar que beneficiários de um auxílio podem não ser de outros. Por exemplo, quem recebe o Vale Gás pode não se encaixar nos critérios para receber o auxílio SP Acolhe.

Na prática, o objetivo do governo é unificar todos os programas em apenas um cartão, o que não representa que todos terão acesso a todos os benefícios previstos pelo Bolsa do Povo.

Quem tem direito ao Bolsa do Povo.

Como funciona o Bolsa do Povo

Instituído em maio através da Lei nº17.372, o programa Bolsa do Povo é um pacote de benefícios sociais, criado com o objetivo de auxiliar famílias afetadas economicamente pela pandemia do covid-19. Dessa forma, foram reunidos os benefícios Ação Jovem, Aluguel Social, Bolsa Talento Esportivo, Bolsa Trabalho, Prospera Família, Renda Cidadã, Novotec Expresso, Via Rápida, Vale Gás, SP Acolhe e Bolsa do Povo Educação.

O programa abrange projetos com ou sem transferência de renda, em áreas como assistência social, qualificação profissional, educação, saúde e esporte.

Como se cadastrar no Bolsa do Povo

Cada benefício que integra o Bolsa do Povo exige um critério para inscrição, da mesma forma, o cadastro também é realizado de formas diferentes. A seguir mostramos como se cadastrar em cada um deles.

Ação Jovem

O Ação Jovem foi criado com o intuito de promover a inclusão social de jovens entre 15 e 24 anos. O programa oferece uma ajuda de custo de R$80 mensais para quem integra famílias cadastradas no Cadastro Único e tenha renda mensal per capita de até meio salário mínimo (R$550).

Para se inscrever é necessário procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo ou entrar em contato com a Central de Atendimento, através do número 156.

Aluguel Social

O Aluguel Social é um subsídio direcionado às famílias em vulnerabilidade social. No entanto, apesar de ser regulamentado pelo governo do Estado de São Paulo, as regras variam de acordo com cada prefeitura. Dessa forma, o ideal é buscar a prefeitura da cidade para obter detalhes sobre esse benefício e, se possível, se inscrever.

Bolsa Talento Esportivo

O Bolsa Talento Esportivo oferece apoio financeiro para atletas em diversas modalidades e níveis de desempenho. O objetivo do programa, conforme explica o site do estado, é dar condições de aprimoramento para quem pretende representar São Paulo e o país em competições nacionais e internacionais.

Para se inscrever é necessário acessar o formulário de inscrição, disponível aqui.

Renda Cidadã

A Renda Cidadã é um programa de transferência direta de renda, que atende famílias em vulnerabilidade social oriunda do desemprego ou subemprego, envolvendo ainda fatores como ausência de qualificação profissional, situação precária de saúde, falta de moradia, dependência química, analfabetismo e entre outros.

Para se cadastrar no Renda Cidadã é preciso buscar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município e verificar os critérios de elegibilidade para inscrição.

Via Rápida

O Via Rápida oferece gratuitamente cursos de capacitação profissional para pessoas a partir de 16 anos de idade que desejam ingressar no mercado de trabalho. Além disso, o programa oferece uma bolsa-auxílio aos estudantes que concluírem o curso e se encaixarem nos critérios de elegibilidade.

Para se cadastrar no Via Rápida é preciso acessar o site do programa.

Vale Gás

O benefício Vale Gás atende famílias com renda mensal per capita de até R$178, através da transferência de R$100 a cada dois meses para a compra de botijão de gás de cozinha. Para saber se está apto a receber o benefício, é preciso acessar o portal do Bolsa do Povo, inserir o NIS e verificar a disponibilidade.

SP Acolhe

Também chamado de Auxílio Emergencial, o SP Acolhe abrange as famílias inscritas no CadÚnico que possuem renda familiar mensal de até três salários mínimos, correspondente a R$3.300, e que perderam algum membro familiar para a covid-19.

Neste caso, não é necessário se inscrever, pois os beneficiários são selecionados pela Secretaria de Desenvolvimento Social através do cruzamento de dados no Cadastro Único e dos óbitos da Secretaria de Saúde. Para saber se tem direito, é só acessar o portal do SP Acolhe e informar o NIS.

Bolsa do Povo Educação

O Bolsa do Povo Educação é um programa destinado aos responsáveis legais de estudantes da rede estadual de ensino. Ao se cadastrar, o responsável legal desenvolverá atividades em uma escola estadual e receberá uma bolsa de R$500 por mês.

As inscrições acontecem em períodos específicos do ano, e o cronograma, bem como inscrição, estão disponíveis no portal do Bolsa do Povo Educação.

Bolsa Trabalho

O programa Bolsa Trabalho é direcionado para pessoas desempregadas que não recebam seguro desemprego ou outro programa assistencial e possuem renda per capita de até meio salário mínimo (R$550). Ao se inscrever, o participante presta serviço em órgãos públicos e realiza cursos de qualificação profissional durante 5 meses, além de receber a bolsa auxílio de R$530.

Para se cadastrar é preciso atender aos critérios de elegibilidade do programa e ficar de olho no prazo, que é divulgado no portal do Bolsa Trabalho.

Prospera Família

O Prospera Família é voltado ao desenvolvimento profissional, pessoal e financeiro de famílias monoparentais. O programa oferece cursos técnicos e transferência de renda para famílias com renda familiar de até R$89 por pessoa.

Para se inscrever é necessário buscar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município ou preencher o formulário disponível no portal do Prospera Família.

Novotec Expresso

Já o Novotec Expresso disponibiliza cursos de qualificação profissional para jovens entre 14 e 24 anos de idade. O objetivo do programa é integrar a educação básica com o mercado de trabalho. Além disso, se dentro dos critérios de elegibilidade, os estudantes recebem uma bolsa auxílio de R$600, paga em 4 parcelas de R$150.

Para se cadastrar no Novotec Expresso é preciso acessar o portal do programa e acompanhar o período de inscrições.

O que significa o aumento do IOF.

Como desbloquear o cartão Bolsa do Povo

O cartão Bolsa do Povo é utilizado pelos beneficiários de algum dos auxílios para sacar o valor disponível. Para utilizá-lo, no entanto, é preciso gerar o protocolo antes. Dessa forma, é preciso seguir o passo a passo a seguir:

  • Acesse o site do Bolsa do Povo e clique no botão “entrar”, disponível no canto superior direito da tela;
  • Então, é necessário informar o CPF e senha cadastrados previamente. Caso não possua, é preciso fazer;
  • Preencha os campos com os dados pessoais solicitados.

Feito isso, o portal direciona para a página que gera protocolo e senha. Essas informações, por sua vez, devem ser guardadas para realizar o saque do dinheiro, pois serão solicitadas.

Outra opção para desbloqueio do cartão Bolsa do Povo é através do número 0800 7979 800. É possível falar com um dos atendentes de segunda a sexta-feira, das 8hs às 18hs.

Como sacar o dinheiro do Bolsa do Povo

No momento de sacar o dinheiro do Bolsa do Povo, o beneficiário pode utilizar o caixa eletrônico do Banco do Brasil ou Banco 24h. Além disso, o saque é permitido também em correspondentes bancários, como supermercados, lotéricas e outros estabelecimentos conveniados.

Para realizar o saque do Bolsa do Povo no caixa eletrônico é preciso ter em mãos o protocolo e senha, citado acima. Então, na tela inicial, basta clicar na opção “Saque”. Na tela seguinte, clique novamente na opção “Saques” e selecione “Benefícios Emergenciais”.

Na tela seguinte, será solicitado o protocolo e a senha gerados no site Bolsa do Povo, após informá-los, é só clicar no botão “Confirma”. Pronto, o saque será realizado.

Tem mais alguma informação sobre o programa Bolsa do Povo que você quer ver por aqui? Deixa nos comentários. Ah, e não deixe de nos acompanhar nas redes sociais também, para ficar por dentro de tudo: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.