FinanzeroBlogBenefícios do Governo

Como receber o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego (BEm)?

Como receber o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego (BEm)?

Compartilhe esse post:

Apesar de serem regras diferentes para redução de jornada e salário e suspensão do contrato de trabalho, benefício emergencial é pago da mesma forma para ambos os casos

O Benefício Emergencial de Preservação do Emprego (BEm) é a resposta do governo para a Medida Provisória (MP) 936/2020 que prevê flexibilização das jornadas, contratos e salários dos funcionários por parte das empresas.

Enquanto vigorar o estado de calamidade pública a MP é válida, e permite aos patrões tomarem algumas decisões em detrimento da pandemia do coronavírus:

  • A suspensão do contrato de trabalho durante 120 dias;
  • E a redução dos salários e jornadas de trabalho dos funcionários em 25%, 50% ou 70% durante o período de 120 dias;

Os valores a serem recebidos são diferentes para ambos os casos, e dependem diretamente do salário dos funcionários, assim como o seguro-desemprego.

Veja também – Como funciona a suspensão do contrato de trabalho durante a pandemia do coronavírus?

Como será pago o benefício emergencial?

O benefício emergencial é solicitado pelo empregador, que notifica o Ministério da Economia sobre a redução da jornada e de salário ou a suspensão do contrato.

O pagamento é realizado diretamente nas contas bancárias dos correntistas do Banco do Brasil (BB) ou da Caixa Econômica Federal (CEF). O funcionário deve ser titular da conta, e não é permitido o depósito do benefício emergencial em contas de terceiros, mesmo que sejam cônjuges ou filhos(as).

Compare ofertas de empréstimo pessoal com taxas de juros a partir de 1,49% ao mês!

Se o trabalhador não tiver conta bancária nestes bancos públicos, o pagamento é feito na criação automática da Poupança Social Digital. Esta poupança pode ser acessada pelo aplicativo Caixa TEM.

Basta informar o Cadastro de Pessoa Física (CPF) no app para ver se o valor foi liberado. Então, o beneficiário terá direito:

  • a dois saques mensais em caixas eletrônicos e lotéricas;
  • e a três transferências mensais para outros bancos (para a Caixa as transferências são ilimitadas);

Veja os links para baixar o app abaixo:

Como acompanhar o benefício emergencial?

Caso no Caixa TEM ainda não conste a liberação do benefício emergencial, a consulta pode ser feita na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) digital. No primeiro acesso é necessário fazer o cadastro informando os dados pessoais. Veja os links abaixo:

Mas o beneficiário deve ficar atento aos prazos. Após o empregador informar a pasta sobre a redução da jornada e de salário ou da suspensão do contrato de trabalho, o pagamento é realizado em até 30 dias úteis.

Veja também – Como acompanhar o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego (BEm)?

Quem trabalha de carteira assinada tem direito ao auxílio emergencial?

Até a publicação deste post não. Entretanto o Congresso Nacional discute a possibilidade de ampliar o auxílio emergencial para quem teve a jornada de trabalho por meio da Medida Provisória (MP) 959/2020.

Ressalta-se que o auxílio emergencial e o benefício emergencial não se tratam da mesma coisa:

  • Auxílio emergencial: R$ 600 (que podem se estender a R$ 1.200 caso a beneficiária seja mãe chefe de família) para profissionais autônomos e informais;
  • Benefício emergencial: o valor é diferente para redução de jornada e de trabalho e para contratos de trabalho suspenso. É exclusivo para profissionais regulamentados pela Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) com carteira de trabalho assinada.

Ficou com mais alguma dúvida sobre o benefício emergencial? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Como acompanhar o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego (BEm)?

Entenda agora como é realizada a solicitação e quais são os canais abertos para acompanhar o BEm.

Ler artigo completo

0 respostas para “Como receber o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego (BEm)?”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasFlip – Empréstimo para Pessoa JurídicaZippi – Empréstimo para Pessoa JurídicaJuvo – Empréstimo com garantia de celularBanco Inter – Crédito Consignado OnlineMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineL&M – Consultoria em meios de pagamentoRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresas
Solicite seu empréstimo