FinanzeroBlogBenefícios do Governo

Jovem aprendiz tem direito a seguro desemprego?

Jovem aprendiz tem direito a seguro desemprego?

Compartilhe esse post:WhatsappFacebookLinkedInTwitter

O jovem aprendiz tem direito a receber seguro desemprego em determinadas circunstâncias, bem como possui direitos trabalhistas e previdenciários.

Regido pela Lei 10.097, o programa Jovem Aprendiz é uma iniciativa do governo federal e estabelece que empresas de médio e grande porte são obrigadas a incluírem pessoas com idade entre 14 e 24 anos em seu quadro de funcionários. O objetivo é incentivar a inserção de jovens no mercado de trabalho, além de oferecer oportunidade de aprendizagem teórica e prática.

A contratação nesse modelo possui tempo determinado, dessa forma, o contrato de trabalho pode durar até dois anos. Além disso, o jovem aprendiz é um trabalhador protegido pela Consolidação das Leis de Trabalho (CLT), logo, possui direitos trabalhistas e previdenciários parecidos aos trabalhadores com carteira assinada, bem como conta com anotação na Carteira de Trabalho.

Jovem aprendiz: o que é e como funciona.

Jovem aprendiz tem direito a seguro desemprego?

O jovem aprendiz tem direito ao seguro desemprego somente quando a empresa que o contratou vai à falência ou é fechada por qualquer outro motivo. Portanto, o benefício é pago pela Caixa Econômica Federal e o valor leva em consideração a média dos últimos três salários.

Vale dizer que para o jovem aprendiz ter direito ao seguro desemprego, é preciso que ele não possua renda própria, e também não esteja recebendo outros benefícios previdenciários. Além disso, em caso de primeira solicitação do seguro desemprego, é preciso ter trabalhado, no mínimo, doze meses nos últimos dezoito meses, de forma contínua ou não.

Por outro lado, o jovem aprendiz não tem direito ao seguro desemprego em casos de encerramento do contrato de trabalho por:

  • desempenho insuficiente ou não adaptação do aprendiz;
  • falta disciplinar grave;
  • ausência injustificada à escola, de forma que ocasione na perda do ano letivo;
  • pedido do aprendiz;
  • completar 24 anos, que é a ideia máxima para trabalhar como aprendiz;
  • esgotamento do prazo do contrato de trabalho, ou seja, ao completar 2 anos.

Como acessar o portal e-CAC com CPF.

Outros benefícios trabalhistas e previdenciários do jovem aprendiz

Além do seguro desemprego, o jovem aprendiz tem direito a outros benefícios trabalhistas e previdenciários, como férias, décimo terceiro salário e FGTS.

Férias

Ao completar 12 meses do início do contrato de trabalho, o jovem aprendiz tem direito de usufruir do período de férias, definido com base nos dias de faltas não justificadas, caso haja.

Dessa forma:

  • quem possuir 5 faltas ou menos terá direito a 30 dias corridos de férias;
  • quem possuir entre 6 e 14 faltas injustificadas usufruirá de 24 dias corridos;
  • quem tiver entre 15 e 23 faltas poderá retirar somente 19 dias corridos de férias;
  • quem tiver entre 24 e 32 faltas terá direito a 12 dias corridos de férias.

Também é estabelecido ao jovem aprendiz menor de 18 anos que as férias do trabalho devem coincidir com as férias escolares.

Décimo terceiro salário

O abono salarial de natal, também conhecido como décimo terceiro salário, é um tipo de gratificação paga, normalmente, entre os meses de novembro e dezembro, e corresponde a um salário mensal, ou a 1/12 avos da remuneração por mês trabalhado.

O benefício, inclusive, também é direito do jovem aprendiz, que receberá a quantia proporcionalmente aos meses trabalhados.

Faça uma simulação totalmente online e receba até 10 ofertas pré-aprovadas de empréstimo pessoal.

Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS)

As empresas são obrigadas a recolher, mensalmente, 2% sobre os valores de remuneração do jovem aprendiz, inclusive sobre gratificações. O trabalhador, por sua vez, tem direito ao saque do FGTS se for demitido sem justa causa antes do término do contrato.

No entanto, se a empresa o contratar efetivamente após o encerramento do contrato de trabalho como jovem aprendiz, não será possível sacar o valor recolhido.

Ficou mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixa nos comentários. Ah, e não deixe de acompanhar a FinanZero nas redes sociais também, para ficar por dentro de tudo: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Como acessar o portal e-CAC com CPF

Passo a passo para acessar o portal e-CAC com CPFQuais os serviços […]

Ler artigo completo

2 respostas para “Jovem aprendiz tem direito a seguro desemprego?

  1. Jordan do Carmo Rodrigues disse:

    Fui jovem aprendiz por 17 meses e ao encerrar o contrato devido ao período de contrato ter expirado fui avisado que por ser termino de contrato e não demissão não possui direito a seguro desemprego. Está correto?

    • thiago disse:

      trabalhei por 2 anos como jovem aprendiz, acabou meu contrato, deram entrada no seguro, aprovou, e proximo a data de receber, o ministerio do trabalhou suspendeu meu seguro, sendo que nao tenho 24 anos ainda, nao fui demitido por justa causa, nao encerraram meu contrato por nenhuma inflação, poderia me explicar melhor o porque?

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado.

      Navegue por:

      Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
      PáginasEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresasStoriesÍndice de EmpréstimoConsórcioSitemapIti – Empréstimo Pessoal OnlineClick Cash – Empréstimo Pessoal OnlineCartão de Crédito OnlineDigio – Cartão de Crédito OnlinePolítica de Privacidade FinanZeroVirtusPay – Boleto Parcelado Onlinebxblue – Empréstimo Pessoal OnlineAgente Imóvel – Refinanciamento Imobiliário OnlinePiki – Empréstimo Pessoal para Negativado OnlineProvu – Empréstimo Pessoal OnlineBoa Vista: Empréstimo Pessoal Online e ScoreCetelem – Crédito Consignado OnlineSuperSim – Empréstimo Pessoal OnlineSofisa Bank – Refinanciamento de Imóvel OnlineBanco Alfa – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo Sim – Crédito Pessoal OnlineCredjet – Empréstimo Pessoal OnlineBanco Bari – Refinanciamento de Imóvel OnlineEmpréstimo Consignado INSS para aposentado e pensionistaParceirosCreditas – Refinanciamento de Imóvel OnlineEmpréstimo para Autônomo Negativado OnlineSimulação de empréstimoEmpréstimo com Garantia OnlineSimule seu empréstimo – ConversãoEmpréstimo ConsignadoNexoos – Empréstimo Para Empresa OnlineCashMe – Refinanciamento de Imóvel OnlineCrediHome – Refinanciamento de Imóvel OnlineTipos de EmpréstimoOmni Financeira – Refinanciamento de Veículo OnlineMoneyman – Empréstimo Pessoal OnlineBanco Pan – Crédito Consignado OnlineNew HomeLivre Digital – Empréstimo Pessoal OnlineBizCapital – Empréstimo e Capital de Giro Para Empresa
      Solicite seu empréstimo