Dois sortudos ganharam R$ 1.326.158,55 cada na Lotofácil 2019 e quatro levaram R$ 932.809,46 na edição 2020

Duas apostas dividiram, nesta segunda-feira (24), o prêmio de R$ 2.652.317,10 da Lotofácil 2019, organizada pela Caixa. O prêmio foi de R$ 1.326.158,55 para cada.

A Lotofácil 2020, cujo sorteio de R$ 3.5 milhões foi nesta terça (25), por sua vez, teve quatro vencedores. Cada um deles levou R$ 932.809,46.

Nós não ganhamos a edição de 2019 ou de 2020, mas ficamos sonhando com a Lotofácil 2021, que será sorteada nesta quarta (26), valendo R$ 1.5 milhão.

A boa notícia: você pode apostar edição de 2021 até 19h desta quarta. Ou seja, dá tempo de sonhar com a gente sobre como gastar R$ 1.5 milhão.

Mas o que fazer com repentinos milhões a mais na conta bancária?

Fomos consultar nossos colegas especialistas aqui da FinanZero para entender os melhores caminhos sobre como investir essa bolada.

Tem dívidas? Faça as contas

Pode parecer seguro demais, mas começar quitando dívidas é o melhor ponto inicial.

“Se descapitalizar para pagar uma dívida integral não é excelente, mas se você puder negociar e diminuir a dívida à vista, é a melhor opção”, diz Ana Mukoyama, nossa Product Manager especialista em investimentos.

Caso o desconto não seja aceito, a melhor opção é seguir pagando e tentar negociar para um bom valor.

Saiba também: Como investir meu dinheiro?

Casa ou carro: valem a pena?

Comprar uma casa ou um carro não vão fazer esse milhão te manter ao longo prazo. Se você for para o caderno de investimentos, algumas movimentações te garantirão um imóvel, sem ser necessário gastar tanto do valor inicial.

O ideal é diversificar no que vai investir. Por exemplo, deixar de comprar uma casa para colocar o dinheiro na poupança ou no Tesouro Direto não é o ideal.

Aliás, nossa especialista dá uma dica importante: manter acima de R$ 10 mil no Tesouro Direto ou na poupança não é a melhor opção, a não ser que pague o IPCA. “Você está perdendo dinheiro para a inflação”, diz Mukoyama.

Caso ou compro uma bicicleta?

Realizar sonhos também é muito válido, mas é importante não comprometer 100% do ganho em algo que não dê retorno.

“Separa 10% para ser feliz. Você só precisa ter claro qual é o seu sonho: não dá para comprar carro, casar, comprar casa e esperar gastar só 10%. Estabeleça o objetivo e faça caber nesse tanto”.

O restante aplicar as dicas anteriores, de diversificar onde investir e de entender o que rende melhor dentro do valor que sobrar desse dinheiro.

Leia mais: Vale a pena sacar o FGTS para investir?

Quer investir? Day Trade é uma opção

Para quem pensaria em investir a Lotofácil, o Day Trade é uma opção.

Para quem não sabe, o Day Trade é a compra e venda de ações de uma mesma empresa realizada em um único dia na bolsa de valores.

Quem dá a dica é Mirela Alves, da nossa equipe de comunicação aqui na FnZ e especialista em Day Trade. “Eu investiria 30% do capital e iria em ações com maior potencial – ou seja, mais caras, mas que garantem um retorno maior também”.

“Caso a queda seja apenas por alguma questão de branding e compense, é bom realizar a compra na parte da manhã para tentar vender até às 17h, o horário pico da B3, a bolsa do Brasil”.

Nesse caso, diz Alves, o Swing Trade também seria uma boa aposta, por se tratar de um valor mais alto tanto de investimento quanto de possível retorno.

Swing Trade é uma estratégia de negociação mantida por um ou mais dias, em um esforço para lucrar com mudanças de preço ou “oscilações” em ações da bolsa de valores.

Não ganhou na loteria? Simule um empréstimo!