O pré-contrato é o documento que antecede o contrato oficial de empréstimo e sua finalidade é que as tratativas preliminares da oferta sejam feitas por meio dele

De acordo com dados internos da fintech FinanZero, aproximadamente 50% dos clientes que começam a preencher o formulário de empréstimo pessoal, não concluem a solicitação. A empresa atua como um buscador de empréstimos desde 2015 e já conta com uma base de clientes que juntos somam cerca de 800 mil cadastros por mês. Assim sendo, a ideia da empresa é democratizar o acesso ao crédito para milhões de brasileiros.

“Conseguimos ampliar a oferta de recursos aos tomadores de crédito através do uso de algoritmos sofisticados que garantem maior segurança às instituições no momento de decidir pela concessão ou negativa do empréstimo.”

– OLLE WIDÉN, CEO DA FINANZERO

Contudo, conforme mencionado, nem todos os clientes que começam fazendo as solicitações concluem os seus pedidos de empréstimo pessoal. Em alguns casos, por exemplo, os consumidores ficam com dúvidas em relação ao envio de documentos e assinatura de contratos. Por isso, tendo em vista que nem todos os solicitantes entendem as principais nomenclaturas a cerca do empréstimo pessoal, reunimos nesse post todas as informações sobre o pré-contrato de empréstimo.

Clique aqui e faça sua solicitação de empréstimo com a FinanZero!

O que é um pré-contrato?

O pré-contrato ou contrato preliminar, é uma modalidade contratual que antecede o contrato oficial e definitivo da proposta de empréstimo. Todos os envolvidos – banco e cliente – assinam o documento e assumem o dever de cumprir o contrato definitivo que será entregue posteriormente. Na prática, a ideia do pré-contrato é apresentar ao cliente as principais informações da oferta para que o consumidor possa ter consentimento sobre ela.

Após essa assinatura, os bancos e instituições financeiras fazem uma análise final do pré-contrato e das documentações do cliente. Desse modo, é essa análise final que irá determinar a concessão da oferta de empréstimo que havia sido pré-aprovada pelo banco. A ideia do pré-contrato é que hajam algumas tratativas preliminares acerca da oferta, mas que ainda não contemple todas as informações da proposta.

Essas informações, por sua vez, serão apresentadas no contrato oficial que será entregue ao consumidor posteriormente. Isto é, o pré-contrato inclui as cláusulas gerais sobre o empréstimo pessoal, mas não dispõem de todos os dados para o fechamento efetivo da oferta. As informações detalhadas e específicas são apresentadas no contrato oficial, sendo este, o último documento para assinatura.

Como negociar dívidas com a CAIXA?

Meu pré-contrato pode ser cancelado?

Sim, o pré-contrato pode ser cancelado. Isso porque, conforme mencionado, o documento trata-se apenas de informações gerais e o cliente ainda passará por uma análise final com a documentação. É através dessa análise que as instituições financeiras decidem se vão dar continuidade ou não com a proposta, e por isso, possuem autonomia para fazer o cancelamento da oferta e consequentemente, do pré-contrato.

Por se tratar de um documento que antecede o contrato oficial, o contrato preliminar pode sofrer alterações ou ser cancelado. Nesse sentido, é importante frisar que o pré-contrato é aplicado de acordo com a política interna de cada banco. Em outras palavras, não são todas as instituições financeiras que utilizam esse documento no processo de formalização dos documentos de empréstimo.

Contudo, essa é uma etapa fundamental para as financeiras que utilizam esse documento internamente. Ou seja, é imprescindível que o pré-contrato de empréstimo seja assinado pelos clientes no caso de financeiras que utilizam ele em sua política interna. Caso a assinatura do pré-contrato não seja feita, não é possível dar continuidade com a proposta e a oferta é reprovada automaticamente.

Como economizar na construção?

Como saber se meu pré-contrato foi aprovado?

Em concordância com os tópicos anteriores, caso o pré-contrato seja cancelado na análise final o cliente é notificado. Isso porque, se o pré-contrato for aprovado o consumidor será notificado para realizar a assinatura do contrato oficial e esse por outro lado, não pode ser cancelado. Da mesma forma, se o contrato for reprovado, também há um contato para notificar o cliente que não haverá continuidade com a oferta.

Além disso, se preferir, o próprio consumidor também poderá entrar em contato com o banco ou instituição financeira para acompanhar sua solicitação e verificar a aprovação ou não do pré-contrato. Por isso, é interessante que o consumidor faça algumas perguntas para si próprio, que nesse caso, podem responder as questões a cerca da aprovação do pré-contrato. Entre elas, podemos destacar:

  • Eu recebi algum contato do banco falando que o processo de assinatura do pré-contrato foi finalizado com sucesso?
  • O contrato oficial foi encaminhado para que eu possa assiná-lo?
  • Já me informaram em quanto tempo o valor será creditado na minha conta?

Se as respostas para todas essas indagações forem positivas, significa que provavelmente o contrato já foi aprovado. De modo geral, é sempre importante entender que uma vez com o contrato oficial assinado, o empréstimo não poderá mais ser cancelado. Em resumo, só haverá reprovação na proposta de crédito se a documentação assinada se tratar do pré-contrato ou contrato preliminar.

O que muda com o Open Banking?

Por fim, ficou com dúvidas sobre o pré-contrato de empréstimo pessoal? Se sim, deixe aqui nos comentários que a FinanZero está à disposição.

Ademais, siga a FinanZero nas redes sociais para mais dicas e para nos acionar quando quiser: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.