FinanzeroBlogNegócios

Posso abrir MEI recebendo auxílio emergencial?

Posso abrir MEI recebendo auxílio emergencial?

Compartilhe esse post:

Microempreendedor Individual está entre os beneficiários do auxílio emergencial

No início da quarentena no Brasil, o governo anunciou o programa do auxílio emergencial de R$600 para minimizar os impactos econômicos provocados pela pandemia do novo coronavírus. Entre os beneficiários está o Microempreendedor Individual (MEI) – contanto que se enquadre em alguns pré-requisitos.

Ao longo dos meses da quarentena a situação de muitos brasileiros mudou. Alguns conseguiram empregos com carteira assinada e muitos, por falta de oportunidade e por necessidade, optaram por procurar uma renda extra.

Como os microempreendedores individuais, que cumprem os critérios estabelecidos pelo governo, estão na lista de beneficiários, não existe impedimentos para abrir uma MEI enquanto estiver recebendo o auxílio emergencial.

Veja também – Como fazer a devolução do auxílio emergencial?

Quais são os pré-requisitos que o MEI tem que cumprir para continuar recebendo o auxílio?

Para continuar recebendo o benefício o microempreendedor individual precisa seguir os critérios estabelecidos no início do auxílio emergencial:

  • Ser maior de 18 anos;
  • Não ter emprego formal com registro na carteira;
  • Não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família,
  • Ter renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou ter renda familiar mensal total (de todas as pessoas) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00).

Caso deixe de cumprir algum dos pré-requisitos, o cidadão pode ter o benefício cortado.

Veja também – Como processar a Caixa Econômica Federal por danos morais?

Sou MEI e estou recebendo o auxílio emergencial. Posso emitir nota fiscal?

Sim. Beneficiários do auxílio emergencial podem e devem seguir com suas obrigações fiscais.

Sou MEI e não fui aprovado no auxílio emergencial. O que fazer?

O microempreendedor individual que cumprir os requisitos para receber auxílio emergencial e tiver o benefício negado pode enviar uma contestação sobre a negativa. Para isso, é preciso:

  1. Abrir o aplicativo Caixa TEM e clicar em “acompanhe sua solicitação”;
  2. Insira os dados solicitados e avance;
  3. Após o motivo do cancelamento ou desaprovação do auxílio emergencial aparecer na tela, clique em “contestar essa informação”;
  4. Escreva o que ocorreu, diga se a motivação da negativa ou interrupção do benefício está errada e o porquê da contestação;
  5. Envie a contestação,
  6. Em “Acompanhe sua solicitação” será possível ver se houve alguma resposta do Dataprev.

Mas essa alternativa só pode ser utilizada uma vez. Se a contestação for negada, o MEI não pode fazer uma nova. A opção é recorrer à Justiça, com a Defensoria Pública, o atendimento é feito virtualmente:

  • Acesse o site da DPU;
  • Selecione a região em que reside e em seguida clique no Estado,
  • Escolha a cidade, caso necessário, e depois clique para preencher o formulário.

Encontre agora as condições ideais de taxas de juros e parcelamento para o seu empréstimo pessoal online!

Recebi as primeiras parcelas do auxílio emergencial. Vou receber as próximas?

Ter recebido as primeiras parcelas do benefício não é garantia de continuar recebendo. A Dataprev (Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência), empresa que está analisando os dados dos brasileiros que solicitaram o auxílio, faz uma reanálise dos dados a cada nova parcela. Por conta disso, é possível que uma pessoa tenha recebido as primeiras parcelas e não continue tendo acesso ao benefício.

Portanto, não há como prever se o beneficiário vai continuar recebendo as parcelas do auxílio emergencial. É preciso ficar atento ao calendário de pagamento, as mudanças no aplicativo e continuar dentro dos requisitos.

Ficou com mais alguma dúvida sobre virar um microempreendedor individual enquanto recebe o auxílio emergencial? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Conta não localizada no Caixa TEM: o que fazer?

“Bug” do aplicativo Caixa TEM pode apresentar a mensagem de conta não localizada; veja como […]

Ler artigo completo

7 respostas para “Posso abrir MEI recebendo auxílio emergencial?”:

  1. Priscila disse:

    Abrir o mei e vou receber um salário será que meu auxílio pode ser cortado ? Foi aprovado tem um mês

    • Silvânia Maria disse:

      Sou mãe solteira tenho 2 filhos moro com minha mãe recebo bolsa família que agora mudou pra auxílio brasil estou recebendo os 400 reais mais infelizmente não tá dando pra arcar com as dispensas tô precisando abrir um mei será que se eu abrir o mei vão cortar meu auxílio pois tô com muito medo porque é o que eu tenho no momento

      • Élida Cristine disse:

        Sou do auxílio emergencial do bolsa família se eu abrir um mei perco o auxílio?

        • Laura disse:

          Olá, estou recebendo o auxílio emergencial por fazer parte do cad único. Me surgiu uma oportunidade (receberei comissões pelo que conseguir vender e não um salário) e gostaria de saber se eu abrir o mei como solicitado, se poderei continur recendo sem problemas o auxílio (em um outro site que vi buscando tal informação, um rapaz comentou que após abrir o mei, seu auxílio entrou em análise e nunca mais saiu desta situaçao). Corro tal risco? Recebo desde o início dos pagamentos sem nenhum problema.

          • Eliane de Lima disse:

            É isso ai, miuto bom.
            Obrigaduuu.

            • Anderson Camargo disse:

              Gostei do site,
              Seus artigos ajudam muito pode ter certeza disso.
              Esta de parabéns.

              • Cristiano Jovino Vieira disse:

                Como faço pra o MEI

                Deixe um comentário

                O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

                Navegue por:

                Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
                PáginasFlip – Empréstimo para Pessoa JurídicaZippi – Empréstimo para Pessoa JurídicaJuvo – Empréstimo com garantia de celularBanco Inter – Crédito Consignado OnlineMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineL&M – Consultoria em meios de pagamentoRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresas
                Solicite seu empréstimo