O empréstimo com cartão de crédito é uma modalidade de crédito não consignado que não exige a criação de conta corrente com a instituição financeira.

O Banco Central divulgou, conforme resultado das Estatísticas de Pagamentos de Varejo e de Cartões no Brasil, que em 2019 havia 255 milhões de cartões ativos no país. Destes, 48% eram cartões de crédito. O item, por sua vez, é utilizado atualmente também para solicitar créditos, é o chamado empréstimo com cartão de crédito.

Essa linha de crédito é voltada, principalmente, para quem precisa de dinheiro de forma rápida, e não deseja abrir uma conta-corrente na instituição credora. Por outro lado, essa opção tem um dos juros mais altos da categoria empréstimo pessoal.

Empréstimo no cartão de crédito: vale a pena?

O que é o empréstimo com cartão de crédito

Essa modalidade de crédito ainda não é oferecida por todas as instituições financeiras, mas de modo geral, funciona como um empréstimo pessoal convencional, com a diferença de que o empréstimo está vinculado à operadora do cartão de crédito. Em alguns casos, a quantia tomada não interfere no limite do cartão, enquanto em outros, é a partir desse saldo disponível que o empréstimo é liberado.

Por isso, vamos explicar a seguir dois tipos de empréstimo com cartão de crédito.

Solicitação de empréstimo com a operadora do cartão

Ao obter um cartão de crédito com uma instituição financeira, automaticamente um limite é pré-liberado. Esse valor é o conhecido “limite do cartão de crédito”, aquela quantia que fica disponível para compras e é pago mensalmente na fatura. No entanto, além desse limite para compras, alguns bancos têm também um limite para empréstimo, que está vinculado ao cartão.

Dessa forma, quando um cliente solicita o empréstimo com cartão de crédito, o limite para compras não sofre alterações, e o crédito liberado é semelhante a um empréstimo pessoal comum. Além disso, se o cliente não possuir conta corrente nessa instituição financeira, o valor é depositado em uma conta de outro banco, que o próprio cliente escolhe. Ou seja, não é preciso possuir uma conta corrente do banco credor, apenas o cartão de crédito ativo.

As parcelas do empréstimo, por sua vez, são cobradas diretamente na fatura do cartão de crédito, junto às compras realizadas durante o mês.

Limite disponível para saque

Nessa opção de empréstimo com cartão de crédito, o valor disponibilizado é definido através do limite que o cliente possui para compras. Portanto, ao realizar essa operação, o limite para compras no cartão passa por alteração, ou seja, ele diminui.

A cobrança da quantia sacada é feita na fatura seguinte, no entanto, é importante ressaltar que nessa forma de empréstimo com cartão de crédito, o cliente conta com uma tarifa cobrada a cada saque, bem como uma taxa de juros equivalente ao valor do crédito rotativo, que surge quando é pago somente o valor mínimo da fatura.

Bancos que oferecem empréstimo com cartão de crédito

Como dito inicialmente, não são todas as instituições financeiras que oferecem essa modalidade de empréstimo. Além disso, as taxas variam de acordo com o perfil do cliente, bem como com a sua relação com a instituição em questão. As taxas mostradas a seguir foram disponibilizadas no site do Banco Central, na modalidade de empréstimo pessoal não consignado. Os valores são referentes ao período de 26 de agosto de 2021 a 01 de setembro de 2021.

Tabela de empréstimo com cartão de crédito
Fonte: Banco Central do Brasil.

É importante lembrar, como já mencionado, que o empréstimo com cartão de crédito é uma das modalidades com juros mais altos na categoria. Além disso, se houver atraso no pagamento ou financiamento da dívida, é comum que haja juros sobre a alíquota do Imposto Sobre Operações Financeiras (IOF). Dessa forma, o solicitante deve estar de olho nesses valores e suas necessidades.

Quanto tempo o dinheiro do saque aniversário cai na conta?

Como solicitar empréstimo com cartão de crédito

Apesar de ser considerado mais prático, o empréstimo com cartão de crédito pode passar por análise de crédito, assim como as demais modalidades de empréstimos. Da mesma forma, cada instituição financeira ou correspondente bancário, a depender da escolha de quem solicita, pode exigir mais ou menos etapas e informações.

Ainda assim, na prática, para solicitar o empréstimo é necessário passar por quatro fases, são elas:

Simulação: é o momento em que o solicitante informa a renda mensal, quantia desejada, tempo para quitação e valor disponível para pagamento das parcelas. Com essas informações, são disponibilizadas opções e condições para realização do empréstimo, então, basta que o cliente avalie a melhor opção para o bolso.

Solicitação: após escolher uma das opções, é preciso enviar a solicitação de empréstimo com cartão de crédito. Dessa forma, assim como na simulação, também é necessário prestar algumas informações pessoais.

Análise de crédito: a análise de crédito é realizada pela instituição financeira, e leva em consideração o perfil do cliente, portanto, são avaliados hábitos de consumo, score e histórico de pagamento junto ao banco.

Assinatura do contrato e liberação do dinheiro: após aprovação da solicitação, a instituição financeira envia o contrato para o cliente e, após assinatura, o dinheiro será liberado.

Por fim, nossa dica é ter atenção aos detalhes do contrato, a fim de verificar se as condições estão de acordo com as firmadas inicialmente, bem como se há alguma cláusula adicional.

Tem mais alguma informação sobre empréstimo com cartão de crédito que você quer ver por aqui? Deixa nos comentários. Ah, e não deixe de nos acompanhar nas redes sociais também, para ficar por dentro de tudo: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.