FinanzeroBlogBenefícios do Governo

Tive aumento de salário, como fica o 13°?

Tive aumento de salário, como fica o 13°?

Compartilhe esse post:WhatsappFacebookLinkedInTwitter

O 13°, conhecido como gratificação de natal, é um benefício que contempla todos aqueles que trabalham sob o regime Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), mas ainda assim, existem algumas dúvidas sobre ele.

Segundo a Lei N° 4.090, de 13 de Julho de 1962, o 13° deve ser equivalente a 1/12 avos (meses) da remuneração devida em dezembro, correspondente a cada mês de serviço, do ano trabalhado. O colaborador, após cada mês trabalhado, tem direito então a 1 avo (mês) da remuneração e depois de doze meses, a 12 avos.

No caso do colaborador ter tido um aumento salarial, por dissídio ou mérito, tem-se duas situações a serem analisadas. Caso o aumento tenha sido concedido até outubro do ano vigente, ele receberá o valor total do 13°, correspondente ao último salário, neste caso, o salário já com aumento. No caso do colaborador obter um aumento salarial no mês de novembro ou dezembro, o 13° será calculado da seguinte forma:

  • A primeira parcela será equivalente a 50% do valor a que o colaborador tem direito, referente ao salário sem o reajuste;
  • A segunda parcela será equivalente a 50% do valor a que o colaborador tem direito, referente ao salário já reajustado.

São até 10 ofertas pré-aprovadas de empréstimo pessoal para você comparar, vem para a FinanZero!

Para exemplificar a primeira situação, o colaborador recebe um salário de R$ 1600,00 e ganha um aumento de R$ 200,00 até outubro, tendo assim seu salário reajustado, o valor passa a ser o de R$ 1800,00. O 13 ° nesta situação, será equivalente a duas parcelas de R$ 900,00, equivalentes ao salário já reajustado.

Exemplificando a segunda situação, tendo como base os mesmos valores acima, porém com o aumento salarial sendo feito em novembro ou dezembro, a primeira parcela do 13 ° será no valor de R$ 800,00, correspondente ao salário sem o reajuste e a segunda parcela será de R$ 900,00, correspondente ao salário já reajustado.

O que fazer com o décimo terceiro salário (13°)?

Trabalhei apenas alguns meses durante o ano, como fica o 13°?

O colaborador que não trabalhou durante todos os meses do ano, receberá o 13° proporcional aos meses trabalhados. Por exemplo, se o colaborador recebe um salário de R$ 1800,00 e trabalhou durante 6 meses, o cálculo se dará da seguinte forma:

  • R$ 1800,00 (salário bruto) dividido por 12 = R$ 150,00
  • R$ 150,00 x 6 = R$ 900,00

O cálculo será o mesmo, independente de quantos forem os meses trabalhados.

Aposentado recebe 13°?

Aposentados e pensionistas tem direito ao 13°. O cálculo para o 13° dos aposentados é realizado da mesma maneira que o dos colaboradores que trabalham em regime CLT. Para realizá-lo, deve-se ter o valor do salário bruto e o número de meses que a aposentadoria foi recebida ao longo do ano.

Supondo que a aposentadoria recebida tem o valor de R$ 1500,00 e tenha tido seu início em agosto, o cálculo será feito da seguinte maneira:

  • R$ 1500,00 dividido por 12 = R$ 125,00
  • Multiplicar o resultado pelo número de meses que o aposentado recebeu o benefício – R$ 125,00 x 5 = R$ 625,00

Caso o aposentado já receba a aposentadoria há mais de um ano, ele receberá o valor total do benefício, no caso do exemplo acima, ele receberia R$ 1500,00

O que é Home Equity e como funciona?

Jovem aprendiz recebe 13°?

Os colaboradores que trabalham através do regime de aprendizagem jovem aprendiz, estão sob o regime CLT e assim, tem direito a receber o 13°, assim como outros direitos trabalhistas. O estudante receberá o benefício proporcional ao salário acordado com a empresa.

O cálculo acontece da mesma forma que o dos trabalhadores formais, aposentados e pensionistas.

Quem está de licença a maternidade recebe 13°?

O período em que a colaboradora fica afastada por conta da licença a maternidade, é considerado pela lei como tempo de serviço, então quem está de licença recebe o 13°.

Para as mulheres que estão de licença, o pagamento do 13° deve ser feito integralmente pelo empregador, mas o período de afastamento deve ser descontado na Guia da Previdência Social (GPS).

Ficou com mais alguma dúvida sobre o 13°? Deixa nos comentários. Além disso, acompanhe a FinanZero nas redes sociais, para ficar por dentro desse e outros assuntos: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

O que é Home Equity e como funciona?

O que é Home Equity?Como funciona o Home Equity?Qual a taxa de […]

Ler artigo completo

0 respostas para “Tive aumento de salário, como fica o 13°?”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresasStoriesÍndice de EmpréstimoConsórcioSitemapIti – Empréstimo Pessoal OnlineClick Cash – Empréstimo Pessoal OnlineCartão de Crédito OnlineDigio – Cartão de Crédito OnlinePolítica de Privacidade FinanZeroVirtusPay – Boleto Parcelado Onlinebxblue – Empréstimo Pessoal OnlineAgente Imóvel – Refinanciamento Imobiliário OnlinePiki – Empréstimo Pessoal para Negativado OnlineProvu – Empréstimo Pessoal OnlineBoa Vista: Empréstimo Pessoal Online e ScoreCetelem – Crédito Consignado OnlineSuperSim – Empréstimo Pessoal OnlineSofisa Bank – Refinanciamento de Imóvel OnlineBanco Alfa – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo Sim – Crédito Pessoal OnlineCredjet – Empréstimo Pessoal OnlineBanco Bari – Refinanciamento de Imóvel OnlineEmpréstimo Consignado INSS para aposentado e pensionistaParceirosCreditas – Refinanciamento de Imóvel OnlineEmpréstimo para Autônomo Negativado OnlineSimulação de empréstimoEmpréstimo com Garantia OnlineSimule seu empréstimo – ConversãoEmpréstimo ConsignadoNexoos – Empréstimo Para Empresa OnlineCashMe – Refinanciamento de Imóvel OnlineCrediHome – Refinanciamento de Imóvel OnlineTipos de EmpréstimoOmni Financeira – Refinanciamento de Veículo OnlineMoneyman – Empréstimo Pessoal OnlineBanco Pan – Crédito Consignado OnlineNew HomeLivre Digital – Empréstimo Pessoal OnlineBizCapital – Empréstimo e Capital de Giro Para Empresa
Solicite seu empréstimo