Empréstimo consignado do INSS: quem pode solicitar essa linha de crédito, como pedir e quais a taxas de juros.

O empréstimo consignado é uma ótima alternativa para quem precisa de crédito, mas com taxas de juros mais acessíveis.

Além das empresas privadas, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) também oferece essa modalidade de empréstimo a aposentados e pensionistas. Mas nem todos os benefícios estão aptos a essa contratação.

Normalmente a taxa de juros nominal máxima do Consignado INSS é de 1,80 % ao mês, o que faz com que muita gente recorra a essa opção. Afinal, as demais linhas de crédito possuem taxas mais altas e prazos menores para pagamento.

Como fazer crédito pessoal com débito em conta?

Benefícios aptos a contratar empréstimo consignado

Como já citamos, nem todo benefício é considerado consignado, ou seja, está apto para contratar essa linha de crédito.

Esse tipo de empréstimo só pode ser feito por beneficiários vitalícios ou com prazos extensos. No caso estamos falando de situações em que o individuo tenha renda garantida por um tempo maior que o prazo para pagamento das parcelas.

Antes da aprovação, os bancos analisam se o valor do benefício é o suficiente para arcar com o empréstimo. Estas instituições conseguem essa informação através do INSS, que analisa caso a caso e aprova ou não a liberação do crédito.

Basicamente o dinheiro pode ser liberado para aposentados e pensionistas, que tem garantia de um benefício mais duradouro. Já aqueles que estão afastados com auxílio-doença não conseguem a aprovação.

Uma outra questão muito relevante é que o solicitante não pode ter mais de 80 anos, que é a idade limite para pedido de crédito no INSS.

O empréstimo consignado precisa ser solicitado apenas em bancos que sejam autorizados pela Previdência Social. Essa informação pode ser obtida diretamente no órgão, presencialmente ou por telefone.

Como saber se o empréstimo consignado foi reprovado?

Como funciona o crédito consignado para aposentados e pensionistas?

O aposentado possui uma renda fixa por ter contribuído por um determinado período com a Previdência Social. Já o Pensionista é aquele que recebe a pensão por ser dependente de outra pessoa que recebia aposentadoria. Seja como for, em ambos os casos há a possibilidade de aprovação para o crédito.

As taxas de juros são baixas, mas é necessário que o valor da parcela não ultrapasse 35% do valor do benefício.

O prazo máximo para pagamento é de 84 meses e o valor é descontado diretamente do benefício. Já a taxa não pode ultrapassar os 1,80%.

Os beneficiários não precisam ser correntistas dos bancos fornecedores do crédito, pois ele é vinculado o INSS.

Crédito para MEI: como conseguir um empréstimo?

Vantagens do crédito consignado

Essa linha de crédito possui algumas especificidades que ajudam a torná-la uma das mais procuradas. Veja as vantagens em contratar o empréstimo consignado do INSS:

  • Parcelas fixas

Esse é um dos maiores benefícios dessa modalidade de empréstimo. Afinal de contas, ter parcelas fixas facilita na hora de organizar a vida financeira. Além disso, o desconto é feito diretamente no benefício e o cliente não corre o risco de pagar juros por atraso no pagamento.

  • Juros menores

Como já falando anteriormente, as taxas de juros costumam ser menores e isso torna essa opção mais atrativa.

  • Antecipação

O empréstimo consignado do INSS pode ter seu pagamento antecipado. O beneficiário pode entrar em contato com a instituição caso queira antecipar alguma parcela.

  • Prazo flexível

O prazo para pagamento é mais extenso e ajuda a tornar o valor de cada parcela mais baixo. O ponto alto é que não há aumento nos juros para um parcelamento mais longo.

Como solicitar o empréstimo consignado INSS?

O primeiro passo é escolher instituição financeira para fazer o empréstimo. É importante lembrar que ela precisa ser autorizada pelo INSS.

O banco escolhido informará todas as regras a serem seguidas e quais os documentos necessários para dar prosseguimento ao pedido de crédito.

Depois de ser aprovado, o beneficiário precisa assinar o contrato, que deve ser lido com muita atenção. Todas as informações sobre este documento ficam arquivadas no sistema do INSS e podem ser acessadas pelo aplicativo ‘Meu INSS’.

Lembrou de alguma dúvida sobre empréstimo consignado? Deixe nos comentários, e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.