O Pix, sistema de pagamentos instantâneos, lançado pelo Banco Central, permite que os usuários agendem transferências e pagamentos. Contudo, a oferta dessa funcionalidade é facultativa.

Funcionando desde novembro de 2020, o Pix ultrapassou 90 milhões de usuários que já realizaram pelo menos um pagamento através do sistema, segundo o Banco Central. O sistema de pagamentos é utilizado através do aplicativo ou Internet Banking da instituição financeira do consumidor.

Dentre as funcionalidades, é possível realizar transferências e pagamentos em até dez segundos, mesmo que entre instituições diferentes, a qualquer hora do dia e em qualquer dia da semana.

Na prática, isso significa que ao enviar determinada quantia para outra pessoa, por exemplo, o valor cairá na conta em até dez segundos, pois o reconhecimento acontece em tempo real.

Vale dizer ainda que o Pix oferece tarifas gratuitas e, quando cobrado, costuma ser mais barato que os valores cobrados pelas demais instituições, como em caso de TED ou DOC. Sendo assim, o Pix funciona para realizar:

  • transações entre pessoas físicas;
  • transações entre pessoas jurídicas;
  • pagamentos a estabelecimentos comerciais, incluindo o comércio eletrônico, via chave Pix, QR Code e código copia e cola;
  • pagamentos a órgãos governamentais, como recolhimento de impostos e taxas.

Como desativar o Pix?

Como agendar uma transferência Pix?

O agendamento de uma transação Pix funciona como uma TED agendada, ou seja, o usuário insere todas as informações, como dados do recebedor e valor, e personaliza uma data para que a operação seja feita. A diferença, contudo, é que o agendamento Pix não é cobrado.

Além disso, o Banco Central alerta que essa modalidade é facultativa, portanto, as instituições não são obrigadas a oferecer o serviço. De toda forma, é possível consultar no próprio aplicativo do banco se existe a possibilidade de agendar uma operação.

Em caso positivo, o procedimento costuma ser parecido entre os bancos, dessa forma, basta realizar o seguinte passo a passo:

  • na tela inicial, acesse a área Pix;
  • então, selecione a opção correspondente à operação, isso é, transferência ou pagamento;
  • em seguida, preencha o campo solicitado e informe o valor da transação;
  • por fim, na tela seguinte, clique no botão “Agendar” e informe a data que deseja.

Será necessário inserir a senha ou digital para concluir o agendamento. É importante verificar qual é o limite para agendamento, por exemplo, há instituições que permitem agendar um pagamento ou transferência para até 60 dias para frente.

Além disso, é imprescindível que haja saldo na conta na data em que a transação foi agendada, caso contrário, a operação será cancelada.

Como transferir o dinheiro do PIS para o Caixa Tem?

Como cancelar um Pix agendado?

O cancelamento de um Pix agendado varia de acordo com a instituição financeira. Dessa forma, algumas empresas permitem que a transação seja cancelada até, no máximo, um dia antes da data agendada. Em outros casos, no entanto, não é permitido cancelar.

Além disso, instituições como o Bradesco, por exemplo, exigem que a ação seja feita através do Internet Banking, o Nubank, por sua vez, permite que o usuário cancele um Pix agendado no próprio aplicativo.

A recomendação é entrar em contato com o banco em questão e verificar a possibilidade de cancelamento de um agendamento Pix, da mesma forma, em caso de incerteza, a dica é optar pelo pagamento ou transferência realizado no dia desejado, ao invés de agendar.

Como saber se o Pix foi recebido?

Após concluir uma operação, o usuário recebe o comprovante de pagamento ou transferência. O documento, por sua vez, comprova que a operação foi realizada e pode ser compartilhado via e-mail, WhatsApp e afins. Contudo, outra forma de saber se o Pix foi recebido é através da confirmação do destinatário.

Importante ressaltar que apesar das transações serem realizadas em até dez segundos, em alguns casos, se o valor for elevado, a quantia pode ficar retida por até sessenta minutos, como forma de segurança. A medida foi implementada com o intuito de evitar fraudes e outros problemas.

Ainda assim, passado esse período, se nada de incomum for encontrado, o dinheiro cairá na conta normalmente.

Quem recebe Auxílio Emergencial já está no CadÚnico?

Como pegar o comprovante Pix?

O comprovante do Pix apresenta os dados da operação realizada, portanto, haverá informações como valor, CPF/CNPJ do recebedor, data e horário e também o código da operação, utilizado para identificar uma transação.

Esse documento é apresentado na tela logo após a conclusão de uma operação, e pode ser compartilhado via WhatsApp, e-mail e etc. Além disso, também é possível salvá-lo no celular ou computador. Contudo, para obtê-lo posteriormente, como em caso de agendamento, basta acessar o extrato da conta e localizar a operação. Em seguida, clique sobre ela e na opção “Ver comprovante”.

Em alguns casos o comprovante Pix estará disponível na aba “Extrato Pix”, em outros, entretanto, será acessado através do extrato geral da conta.

Tem mais alguma dúvida sobre o Pix? Deixa nos comentários. Acompanhe a FinanZero também nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.