Cidadão pode optar pela consulta no site da Caixa ou no site do Dataprev

O auxílio emergencial de R$ 600 liberado para profissionais autônomos e informais pelo governo federal está sob os cuidados do Ministério da Cidadania.

Apesar de inicialmente ter sido sugerido pelo Ministro da Economia Paulo Guedes, é o chefe da pasta da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que está à frente da execução do plano.

Mas a execução se tornou alvo de muitas críticas dos beneficiários. A condução dos apps e dos site da Caixa Econômica Federal (CEF), tanto o Caixa Auxílio Emergencial quanto o Caixa TEM, deixaram a desejar.

Para tentar facilitar a comunicação entre os cidadãos cadastrados e o governo, o Ministério da Cidadania lançou um novo site de consulta em conjunto com a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev).

Veja também – Simule seu empréstimo e encontre as melhores taxas de juros do mercado!

Confira abaixo como consultar o andamento do pedido do auxílio emergencial no novo site.

Como acompanhar a solicitação do auxílio emergencial?

No site do Ministério da Cidadania em conjunto com a Dataprev, o usuário pode ver todo o histórico do pedido:

  1. Basta acessar o site Consulta ao Auxílio Emergencial;
  2. Inserir os dados solicitados: Cadastro de Pessoa Física (CPF), nome completo, nome completo da mãe (ou optar por “mãe desconhecida”), informar a data de nascimento e clicar no quadrado ao lado da mensagem “Não sou um robô”;
  3. A situação do pedido aparecerá na tela;

O pedido poderá estar em 4 tipos de situações. Confira cada uma abaixo:

Aprovado

O auxílio emergencial foi aprovado e o beneficiário terá o dinheiro na conta do Banco do Brasil (BB) ou da Caixa caso seja correntistas. Caso o cidadão não seja correntistas de um dos bancos públicos citados, deverá acessar o aplicativo Caixa TEM, onde sua Poupança Social Digital será criada automaticamente.

O benefício será depositado nesta conta, que dá direito a 3 transferências gratuitas referentes às 3 parcelas do auxílio.

Não aprovado

O auxílio não foi aprovado para o solicitante.

Em análise

Os dados pessoais do cadastro ainda estão em análise e o auxílio pode ou não ser aprovado. O cidadão deve aguardar.

Dados inconclusivos

Os dados pessoais do cadastro contém algum erro ou inconsistência com o cadastro dos dados informados por outro integrante da família. A pessoa deverá refazer a solicitação do benefício no aplicativo ou no site Caixa Auxílio Emergencial.

Veja também – Como receber o auxílio de R$ 600 que o governo liberou?

Como consultar o auxílio emergencial no app da Caixa?

No aplicativo Caixa Auxílio Emergencial também é possível acompanhar o pedido, porém sem detalhamento:

  1. O usuário deve fazer o login no app, informando o CPF, clicando nas imagens solicitadas para confirmar que não é um robô e então inserir a senha recebida por SMS;
  2. Na tela inicial do app aparecerá o status do pedido, caso o beneficiário já tenha feito seu cadastro;
  3. Caso não tenha feito seu cadastro e não esteja no Cadastro Único (CadÚnico), deverá informar os dados solicitados no cadastramento para fazer a solicitação do auxílio;

Quanto tempo demora a análise do pedido?

A análise do pedido do auxílio emergencial tem o prazo de 5 dias úteis. Entretanto, a Caixa e o Dataprev estão com os sistemas sobrecarregados, e o prazo pode ser estendido sem estimativa.

Veja também – Auxílio emergencial para autônomos: quais são as regras?

Por que meu pedido do auxílio emergencial está em análise?

Todos os pedidos de auxílio emergencial passam por uma análise porque existem critérios que o cidadão deve cumprir para ter direito ao benefício do governo federal. Veja a lista completa no link acima.

Ficou com mais alguma dúvida sobre como consultar o benefício? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.