Querendo saber como ganhar dinheiro? Então é hora de pensar fora da caixa e encontrar soluções para aumentar a sua renda.

2019 é o ano oficial de procurar novas formas de ganhar ou, pelo menos, economizar  dinheiro no Brasil. Com o país passando por um período de crise econômica, colocar todas as suas apostas em apenas uma fonte de renda não é uma atitude muito promissora.

Por isso, é hora de começar a pensar em novas alternativas para complementar o seu dinheirinho e terminar o mês no positivo. Quer aprender como ganhar dinheiro mas não sabe bem como começar? Não se preocupe, separamos algumas dicas que podem te ajudar!

Mudança de hábito

Pensar em novas alternativas é também pensar em mudanças. É possível ganhar dinheiro se você começar a economizar, arranjar outra fonte, ou ainda vender coisas antigas que têm valor…

Existem diversas maneiras de garantir o seu dinheirinho extra, mas saiba que alguma área da sua vida precisará mudar. E isso não é ruim! Afinal, ficar acomodado pode ser bem sem graça, né? Hora de levantar a poeira e dar a volta por cima.

Hora de criar uma planilha de gastos

Se você ainda não tem uma planilha mensal da sua vida financeira, é hora de começar. Ter consciência do quanto você recebe, quanto gasta, para onde vai o seu dinheiro, o que realmente é investimento e o que é gasto extra te ajuda a se planejar para não ficar no vermelho. Pode parecer trabalhoso, e a gente não vai mentir, é sim. Mas é coisa de pegar o jeito, tá?

Escolha uma plataforma que você goste (planilha do Excel, um caderninho especial só para finanças, um aplicativo no celular, etc) e comece a registrar tudo o que você recebe mensalmente, somando salário e outras fontes de renda.

Depois, registre os seus gastos necessários, aqueles que obrigatoriamente precisam acontecer. Aqui, entra aluguel, conta de luz, água, condomínio, convênio médico, conta de celular e tudo o que você já sabe que vai precisar pagar todo mês. É essencial que essa soma de gastos fixos não ultrapasse 50% de todo o seu faturamento, tá?

Com isso, você já sabe quanto da sua renda está comprometida mensalmente e, consequentemente, quanto ainda te sobra. Então, resta calcular os chamados gastos extras.

Criando essa planilha e atualizando-a mensalmente, você terá um panorama completo da sua vida financeira e saberá como se organizar com mais sabedoria, qual área consome mais e onde diminuir para equilibrar a balança. Conhecimento é tudo!

Venda o que não te serve mais

Você já parou para dar uma olhada no que tem na sua casa? Aposto que tem muita roupa que você não usa mais, ou algum móvel que você não combina mais com a sua casa, aquela bicicleta parada há 3 anos na garagem e que só acumula poeira…

Será que você precisa ter tudo isso dentro de casa? No melhor estilo Marie Kondo (não conhece a guru japonesa da arrumação?), separe as coisas que você não usa mais e faça uma grande venda!

Vale tudo: roupas, móveis, discos, livros, eletrodomésticos – com certeza alguém precisa do que você tem. Use e abuse das redes sociais para divulgar seu produtos, faça fotos bonitas, ou organize uma venda de garagem. É uma forma simples de arrumar sua casa e ainda ganhar uma graninha extra!

Compre apenas o necessário

Não importa se você está feliz ou triste, animado ou meio baixo astral: parece que sempre tem um motivo para comprar alguma coisa nova, né? Estes gastos espontâneos podem comprometer bastante o orçamento ao final do mês.

Na hora parece uma boa ideia mas, será que vale se endividar por algo que você pode nem querer tanto assim? Em tempos de economia, tente manter o foco do seu dinheiro em coisas que você realmente precisa e não se deixe levar pelo momento. Pode parecer difícil, mas poupar esse dinheirinho pode fazer toda a diferença.

Se joga na marmita!

como-ganhar-dinheiro-marmita-image

Hora de testar as suas habilidades de Master Chef! Almoçar ou jantar fora todos os dias parece um gasto bobo, afinal, o que são R$ 25 em uma refeição?

A gente te conta: se você almoça fora cinco dias da semana, gastando uma média de R$ 25 por refeição, isso dá R$ 125 por semana e R$ 500 por mês. E, se ainda adicionar o jantar nessa contagem, lá se vão R$ 1.000 num passe de mágica!

Se você tem a opção de comer em casa ou fazer marmita para levar para o trabalho, use e abuse. Procure receitas simples e saborosas para cozinhar, anote os ingredientes e faça uma compra grande no supermercado – com certeza vai dar bem menos do que comer em restaurantes todos os dias.

Assim, você economiza dinheiro e, de quebra, se alimenta de forma saudável e caseira. Bem mais gostoso, não é?

Segunda mão é muito mais legal

como-ganhar-dinheiro-brecho-image

Na sociedade em que vivemos, praticamente tudo já foi produzido. Que tal dar um pulinho em uma loja de itens de segunda mão para procurar o que você quer?

Algumas coisas são tão boas que investir em um novo nem vale a pena. Eletrodomésticos usados são tão bons quanto os novos e saem muito mais baratos. Móveis são mais charmosos e com personalidade, enquanto os brechós têm roupas estilosas e atemporais.

É possível encontrar muitos itens personalizados nessas lojas e criar o seu próprio estilo, seja na vestimenta ou na sua casa. Sem contar que você acaba reciclando coisas que talvez fossem para o lixo, ou seja, além de barato, é sustentável!

Faça freelas e trabalhos temporários

como-ganhar-dinheiro-freelancer-image

É claro que o sonho de muita gente é ter uma CLT para chamar de sua. Contar com os benefícios e salário mensal certinho é um sonho maravilhoso, porém, pode não estar tão próximo assim. No Brasil, a tendência de crescimento é do trabalhador informal – os famosos freelancers.

Você pode aproveitar este espaço no mercado para procurar formas alternativas de trabalho, mesmo que seja por pouco tempo. Vale tudo: motorista particular, babá, garçom, escritor – o que você quiser!

Alugue um espacinho em casa

Tem algum imóvel parado ou um quarto que não usa? Invista em aplicativos de hospedagem como o Airbnb e coloque seu espaço para aluguel de temporada!

É uma forma barata e eficiente de fazer um dinheiro extra com algo que ficaria parado de qualquer forma. E tem sempre alguém procurando um lugar para ficar, viu?

Transforme o seu hobby em renda

Tem alguma habilidade manual para fazer artesanato? Gosta de criar novas receitas? Consegue costurar roupas? Sabe fazer pinturas? Toca algum instrumento? Quer ensinar dança? Gosta de mexer no jardim? Hora de monetizar as suas habilidades! Se tem alguma coisa que você saiba fazer e ainda não tenha oferecido este serviço ou produto para as pessoas, a hora é agora!

Veja também – Simule seu empréstimo pessoal e receba ofertas pré-aprovadas em até 5 minutos!

Faça permutas

Quer aprender alguma coisa nova que pode alavancar a sua carreira, mas está difícil separar uma graninha para isso? Proponha permutas! Ofereça o seu trabalho em troca do trabalho de alguém.

É uma prática comum para quem ainda está começando no mercado, e ajuda a criar contatos e desenvolver novas habilidades. Mas, lembre-se de oferecer um trabalho à altura do que a outra pessoa te oferece. Assim, fica justo e todo mundo sai ganhando!

Invista em um blog na internet

A internet revolucionou a forma como as pessoas consomem conteúdo. Se você gosta de falar sobre alguma coisa, vale a pena abrir um blog para encontrar a sua tribo e, quem sabe, ganhar um dinheiro com isso.

Comunidades inteiras foram criadas desta forma e se tornam rentáveis. Procure o seu nicho, produza um conteúdo bacana e vá atrás de patrocínio e empresas que têm a ver com o seu tema. Você pode se surpreender!

Ficou com mais alguma dúvida? Deixe nos comentários, e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.