Usuários que acessam o Caixa TEM podem se deparar com este erro, mas solução pode não precisar de contato com o banco

Muitos novos beneficiários receberam o auxílio emergencial na última semana. Os cidadãos que não receberam a 1ª parcela até o dia 30 de abril são considerados os “novos aprovados” dos R$ 600.

Veja abaixo quem são os novos aprovados do auxílio emergencial pela data que receberam a primeira parcela:

  • 19 de maio: receberam os nascidos em janeiro
  • 20 de maio: receberam os nascidos em fevereiro
  • 21 de maio: receberam os nascidos em março
  • 22 de maio: receberam os nascidos em abril
  • 23 de maio: receberam os nascidos em maio, junho ou julho
  • 25 de maio: receberam os nascidos em agosto
  • 26 de maio: receberam os nascidos em setembro
  • 27 de maio: receberam os nascidos em outubro
  • 28 de maio: receberam os nascidos em novembro
  • 29 de maio: receberam os nascidos em dezembro

Caso a forma de recebimento seja por meio do aplicativo Caixa TEM, com a Poupança Social Digital criada automaticamente para correntistas que não são da Caixa ou do Banco do Brasil (BB) é necessário fazer um processo dentro do app para ter acesso ao saldo e a movimentação dos R$ 600.

Veja também – Como usar o aplicativo Caixa TEM?

Por que não estou recendo o código de vinculação de dispositivo ao CPF?

Após informar alguns dados pessoais solicitados no aplicativo Caixa TEM e optar pela consulta ao auxílio emergencial, será necessário vincular o dispositivo ao Cadastro de Pessoa Física (CPF).

Ou seja, fazer com que o sistema da Caixa identifique o celular como o aparelho utilizado por determinado CPF. Esta é uma medida de segurança contra fraudes e estelionatos.

Mas caso apareça a mensagem “Este dispositivo não está vinculado” ao tentar acessar o aplicativo, ou então o código de verificação não for recebido por e-mail, existem alguns procedimentos que podem ser tentados antes de entrar em contato com a Caixa. Pois o banco demora a fazer o atendimento nesse tipo erro.

Além dos erros mencionados, também pode aparecer a mensagem “Não foram encontrados registros”. As dicas abaixo também valem para este tipo de erro.

Veja também – Não consigo sacar o meu auxílio emergencial. O que fazer?

Como vincular o dispositivo ao CPF no aplicativo Caixa tem?

Limpar o cache do navegador

A limpeza do cache do navegador é a primeira opção para tentar solucionar o problema. No exemplo abaixo, utilizamos o Chrome:

  1. Abra o app Chrome;
  2. Clique no botão de configuração (os três pontos alinhados na vertical no canto superior direito);
  3. Selecione “Ferramentas”
  4. Clique em “Limpar dados de navegação”;
  5. Por fim, selecione a limpeza do cache do navegador;

Tente novamente executar a ação de vinculação do CPF, e veja se o e-mail é recebido na caixa de entrada. Então, basta clicar no link de ativação e a verificação será concluída. Em alguns casos, são feitas perguntas sobre o beneficiário para garantir a segurança do vínculo.

Veja também – Simule seu empréstimo e encontre as melhores taxas de juros do mercado!

Limpar o cache do aplicativo Caixa TEM

Caso o passo-a-passo acima não tenha funcionado, também é possível limpar o cache do app Caixa TEM. Para isso:

  1. Acesse as configurações do celular;
  2. Clique em “Aplicativos”;
  3. Encontre o Caixa TEM e clique;
  4. Selecione “Armazenamento”;
  5. E clique em “limpar cache”;

Após fazer a limpeza do cache do app, basta tentar novamente fazer vinculação do dispositivo ao aparelho móvel.

Ficou com mais alguma dúvida sobre a vinculação de dispositivo ao CPF? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.