Governo federal autorizou a volta do auxílio emergencial, no entanto, ainda não divulgou qual será o calendário de pagamento e o valor das parcelas; confira quais informações foram divulgadas até o momento

A expectativa é que o governo federal libere as novas parcelas do auxílio emergencial em março. No entanto, menos brasileiros terão acesso ao benefício dessa vez.

O processo fará com que, dos 68 milhões que receberam o auxílio em 2020, apenas 40 milhões recebam em 2021.

No ano passado, para receber o benefício era necessário solicitar através do site da Caixa Econômica Federal. Neste ano, o processo será diferente: para decidir quem pode receber o benefício, o governo fará uma peneira com os cadastros de 2020.

Para isso, vão analisar as informações sobre os beneficiários que estão no banco de dados do Ministério da Cidadania. Isto é, com base no cadastro do ano passado.

Peça uma cotação grátis e receba ofertas de empréstimo de até 10 parceiros FinanZero!

Quem tem direito ao auxílio emergencial 2021?

De acordo com o governo, não será possível pagar o auxílio emergencial para todos que receberam em 2020. Mas a expectativa é que cerca de 40 milhões de brasileiros voltem a receber o benefício a partir de março.

Por isso, o Ministério da Cidadania vai realizar uma nova seleção entre quem já tem cadastro no sistema do auxílio.

As expectativas são que o foco seja priorizar brasileiros com menor renda e começar a pagar no próximo mês. Mas é importante lembrar que isso são apenas especulações, já que até o momento o governo não anunciou quais serão as novas regras de seleção.

Leia também – O que dá para fazer no Caixa Tem?

Quem não vai receber o auxílio emergencial 2021?

Com o novo processo de seleção, muitos brasileiros não vão receber o auxílio emergencial 2021. Por isso, ficam de fora:

  • Quem recebe algum benefício do governo como pensão, aposentadoria, benefício assistencial ou seguro-desemprego;
  • Além disso, quem estiver trabalhando com carteira assinada não terá direito.

Leia também – Empréstimo para quem recebe auxílio emergencial: como funciona?

Quanto vou receber no auxílio emergencial 2021?

Alguns boatos estão circulando de que as parcelas do auxílio emergencial podem ser de R$ 250 ou R$ 200 e também existe uma possibilidade de manterem os R$ 300 pagos nos últimos meses de 2020.

No entanto, até o momento, o governo não divulgou o valor oficial do auxílio e qual será a quantidade de parcelas que os beneficiários devem rebecer neste ano.

Confira – Empréstimo Caixa Tem: já está liberado?

Mães solteiras vão receber o dobro no auxílio emergencial 2021?

Em 2020, o governo estabeleceu que mulheres chefes de família receberiam o dobro do pagamento do auxílio emergencial.

Por isso, durante o pagamento das cinco parcelas de R$ 600, elas receberam R$ 1200. Já nas últimas quatro parcelas, em que houve corte, o governo pagou R$ 600.

No entanto, não há uma confirmação do governo federal de que mulheres chefes de família vão continuar recebendo o valor em dobro em 2021.

Você pode se interessar por – Poupança do Caixa Tem faz o dinheiro render?

Qual calendário de pagamento do auxílio emergencial 2021?

O governo ainda não definiu o calendário de pagamentos do auxílio emergencial 2021.

No entanto, a expectativa é que o processo de criação do projeto termine agora em fevereiro e que o benefício seja liberado a partir de março. Além disso, não foi divulgado qual será a quantidade de parcelas.

Por fim, ficou com mais alguma dúvida sobre o novo auxílio emergencial 2021? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.