FinanzeroBlogFinanças Pessoais

Desafio das 52 semanas: aprenda como poupar mais de 13 mil reais em um ano

Desafio das 52 semanas: aprenda como poupar mais de 13 mil reais em um ano

Compartilhe esse post:

O desafio das 52 semanas é uma opção para quem deseja guardar dinheiro a médio prazo e de forma gradual.

De acordo com levantamento feito em todas as capitais do Brasil pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), 48% dos consumidores entrevistados não controlam o seu orçamento. Além disso, em cada dez pessoas que adotam algum método apropriado de controle das finanças, somente um terço planeja o mês com antecedência.

Diante disso, é de comum acordo que diversas metas estão atreladas a dinheiro e, por isso, o planejamento é de suma importância no alcance de objetivos. Inclusive, foi pensando nisso que a estadunidense Kassondra Perry-Moreland criou o desafio de 52 semanas, em 2013, e compartilhou a ideia em seu perfil no Facebook. O método para guardar dinheiro viralizou e, atualmente, é amplamente utilizado nas finanças pessoais.

Como guardar dinheiro nas caixinhas do Nubank?

Como funciona o desafio das 52 semanas?

De modo geral, o desafio das 52 semanas tem o objetivo de facilitar o processo de guardar dinheiro, que ocorre de forma gradual, semanalmente, durante um ano, por isso leva o nome de “52 semanas”.

Na prática, funciona assim: na semana 1 é preciso guardar R$1, na semana 2 o valor passa para R$2, na semana 3 para R$3 e assim sucessivamente. Dessa forma, em 52 semanas, isso é, ao completar um ano de desafio, terá sido possível guardar R$1.378.

O valor inicial e a quantia de progressão podem variar, por exemplo, é possível começar com R$5 e aumentar, semanalmente, de R$5 e R$5, chegando a R$6.890 em 52 semanas. Da mesma forma, há a possibilidade de começar a primeira semana com R$10, passando para R$20 na segunda, R$30 na terceira e assim por diante.

Portanto, o desafio das 52 semanas funciona como uma estratégia para guardar dinheiro durante o período de ano, a fim de, ao final do ciclo, poder usar a quantia para algum propósito profissional ou pessoal, como realizar um curso ou viagem, por exemplo. Por isso, a quantia inicial e de progressão podem variar de acordo com o objetivo e possibilidade financeira de cada pessoa, já que não existe uma regra definitiva.

Aprenda como fazer o desafio das 52 semanas e poupar mais de 13 mil reais em um ano

O desafio das 52 semanas para poupar mais de R$13 mil em um ano começa com R$10 na primeira semana e vai aumentando gradativamente, de R$10 em R$10. Portanto, na segunda semana será preciso guardar R$20, na terceira semana R$30 e assim por diante. Ao final das 52 semanas, terá sido possível guardar R$13.780.

Para isso, é possível utilizar tabelas prontas, já disponibilizadas na internet, aplicativo ou, caso prefira, criar a própria tabela, como essa que mostramos a seguir.

Onde guardar o dinheiro do desafio das 52 semanas?

Além de estipular o valor inicial e de progressão, outro fator relevante no desafio das 52 semanas é definir onde guardar esse dinheiro ao longo do período. Desse modo, uma das formas mais comuns é manter a quantia em uma conta poupança ou corrente comum, em que não há movimentações, a fim de evitar mexer no dinheiro.

Entretanto, há outras opções que podem ser mais vantajosas, como é o caso da função “Guardar dinheiro”, do Nubank, que rende 13,65% ao ano. Nela, o titular da conta pode acrescentar o quanto quiser e, ainda, estipular uma data para retirada do valor, evitando mexer antes do final do desafio.

Outra possibilidade é o investimento em renda fixa, como CBD e Tesouro Direto, que são considerados produtos financeiros de baixo risco, logo, trazem mais segurança a quem investe. Dentre as opções de renda fixa, está a poupança, contudo, esse é um produto financeiro pouco recomendado atualmente, já que possui taxa de rentabilidade baixa, quando comparada aos demais.

Em ambos os casos, no entanto, é preciso atenção, pois se houver “período de carência”, ou seja, prazo mínimo no qual o dinheiro precisa ser deixado rendendo, e o titular precisar retirá-lo antes da data, terá que pagar por um percentual que será cobrado sobre o valor total.

Além disso, alguns produtos financeiros podem exigir uma quantia mínima de investimento inicial, se for o caso, há a possibilidade de guardar o dinheiro em uma conta digital separada, por exemplo, e ao alcançar a quantia mínima para iniciar o fundo, aplicá-lo.

Aprenda a fazer vendas pelo celular com a maquininha de cartão.

Qual é a vantagem do desafio das 52 semanas?

O desafio das 52 semanas é uma das principais maneiras de conseguir juntar uma determinada quantia de dinheiro e alcançar uma meta estipulada. Além disso, conta com diversas outras vantagens, como:

  • construção do hábito de poupar;
  • permite guardar dinheiro a partir da própria realidade financeira;
  • contribui para diminuição de compras impulsivas.

Paralelamente, a quantia poupada ao longo do período pode ser utilizada para inúmeras finalidades, por exemplo:

  • gastos emergenciais;
  • viagens;
  • aquisição de bens;
  • complemento para aposentadoria;
  • estudos;
  • investimento em um negócio.

Como economizar na compra de material escolar?

4 dicas para cumprir o desafio das 52 semanas

Apesar das vantagens do desafio, é comum que no decorrer das semanas haja algum tipo de desmotivação ou, até mesmo, dificuldade em separar determinada quantia para guardá-la. Pensando nisso, separamos 4 dicas para ajudar a cumprir o desafio das 52 semanas.

1. Faça um planejamento financeiro

Antes de tudo, faça uma análise acerca de todas as despesas fixas e dívidas vigentes que possui, leve em consideração, ainda, as despesas variáveis, como as contas da casa. A partir daí, defina quanto é possível reservar mensalmente para despesas secundárias e, também, para o desafio.

2. Adapte o desafio à sua realidade

Conforme já mencionado, não existe uma regra quanto ao valor inicial e de progressão, portanto, cada pessoa pode definir a quantia que funciona para si mesma, e que faça sentido à própria realidade financeira. Dessa forma, o desafio se torna realista e, consequentemente, cabível de ser concluído.

3. Reveja o valor de progressão

Se em determinado momento do desafio, a realidade financeira mudar, não hesite em rever o valor de progressão, isso é, a quantia depositada mensalmente. Em situações como essa, é preciso ter em mente que o objetivo do desafio das 52 semanas é estimular a educação financeira e o hábito de poupar, portanto, deixar de arcar com algum gasto essencial para guardar a quantia semanal se torna inviável, já que pode levá-lo à inadimplência.

Então, reorganize o orçamento e, em seguida, estabeleça um novo valor de progressão, que caiba no orçamento atual.

4. Evite o cartão de crédito

Ao realizar compras no cartão de crédito, o gasto em questão é jogado para o futuro, ou seja, o consumidor deverá arcar com o pagamento somente no mês seguinte, o que pode gerar a falsa sensação de que os gastos daquele mês “estão no controle”. Sendo assim, a sugestão é efetuar o pagamento, sempre que possível, no débito, e reservar o cartão de crédito para compras emergenciais e de valores elevados que deverão ser parceladas.

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixa nos comentários. Acompanhe a FinanZero também nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Aprenda a fazer vendas pelo celular com maquininha de cartão

Aprenda como realizar vendas utilizando o celular como maquininha de cartão e quais empresas oferecem a opção.

Ler artigo completo

0 respostas para “Desafio das 52 semanas: aprenda como poupar mais de 13 mil reais em um ano”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasZiliCred – Refinanciamento Imobiliário OnlineBlipay: Empréstimo Pessoal – Antecipação SalarialÁgil- Empréstimo OnlineConsórcio para intercâmbioConsórcio para festasConsórcio para cirurgias plásticasConsórcio de cursosFlip – Empréstimo para Pessoa JurídicaZippi – Empréstimo para Pessoa JurídicaJuvo – Empréstimo com garantia de celularBanco Inter – Crédito Consignado OnlineMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículo
Solicite seu empréstimo