FinanzeroBlogCrédito

Documentação para consórcio: confira a lista completa

Documentação para consórcio: confira a lista completa

Compartilhe esse post:

Após a contemplação da carta de crédito, o consumidor deve ter atenção à documentação para consórcio solicitada pela administradora.

O consórcio é uma modalidade de crédito que permite ao consumidor adquirir bens, como imóveis, veículos, maquinários e eletrodomésticos, bem como contratar serviços de saúde, eventos, viagens, estética e afins. Sendo assim, o interessado adquire uma cota e passa a ser participante de um grupo de consórcio, no qual todos os integrantes efetuam pagamentos mensais, referentes ao crédito desejado, e o dinheiro é depositado em um fundo comum, para em seguida ser usado na contemplação da carta de crédito.

A contemplação, por sua vez, ocorre nas assembleias, mediante o sorteio e, posteriormente, a oferta de lance. Neste último, o lance, o consorciado antecipa o pagamento de parte das prestações futuras se tiver a oferta aceita e, com isso, recebe a carta de crédito.

Vale dizer que o consórcio não possui juros, como é o caso do financiamento, mas possui a taxa administrativa, que funciona como uma remuneração à administradora responsável por gerir a operação, e é calculada com base no valor da carta de crédito. Ainda assim, o valor final do contrato tende a ser menor, se comparado ao financiamento. Além disso, o consórcio é considerado uma modalidade pouco burocrática e de fácil acesso a diversos perfis de consumidores.

Meu consórcio está com uma parcela atrasada, e agora?

Quais os documentos necessários para o consorciado ser contemplado?

Para adquirir uma cota e começar a partir do grupo de consórcio é preciso apresentar somente documento de identificação com foto, como RG ou CNH, CPF e comprovante de residência emitido nos últimos três meses. O intuito dessa primeira etapa é verificar somente a situação fiscal do consumidor, já que o consórcio é considerado uma modalidade de fácil acesso.

Então, a administradora libera o contrato para formalização e o consorciado deve iniciar o pagamento das parcelas. A contemplação, como já mencionado, ocorre via sorteio ou oferta de lance, e em ambos os casos são solicitados os demais documentos para a liberação da carta de crédito, que listamos a seguir. Vale ressaltar que as administradoras solicitam a versão original e uma cópia de cada, pelo menos.

Documento de identificação com foto e CPF

São aceitos como documento de identificação, principalmente, o Registro Geral (RG) e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O primeiro deve estar dentro do prazo de validade de 10 anos, enquanto a CNH pode ser usada para identificação mesmo após o vencimento, desde que esteja em boas condições. Há administradoras que aceitam o passaporte, se estiver dentro do prazo de validade, e a Carteira de Trabalho física.

Além da identificação com foto, também é necessário o CPF, que atualmente consta nos RGs e CNHs, portanto, não é preciso apresentar o documento específico do CPF, se ele estiver em um dos utilizados pelo consorciado. Para quem é estrangeiro, é possível apresentar a Carteira de Registro Nacional Migratório.

Comprovante de renda

O comprovante de renda é um dos principais documentos em qualquer operação financeira, e o consumidor deve apresentar os três mais recentes. Desse modo, para quem trabalha em regime de contratação CLT ou é servidor público, são aceitos os holerites entregues pela empregadora. Os aposentados e pensionistas podem utilizar o demonstrativo de pagamento emitido pelo INSS ou banco pagador, enquanto os trabalhadores autônomos têm a possibilidade de apresentar a Decore, Recibo de Pagamento Autônomo (RPA), contrato de trabalho ou, ainda, os extratos bancários.

Cópia da declaração do Imposto de Renda

Quem declara o Imposto de Renda anualmente, deverá ter em mãos a cópia do documento mais recente, ou seja, da última declaração entregue. Para isso, basta acessar o programa IRPF utilizado para transmitir a declaração do IR e, na tela inicial, clicar em “Declaração”. Em seguida, selecione a opção “Imprimir”, clique em “Declaração” e defina para impressão de toda a declaração.

Comprovante de residência

No momento de comprovar o endereço de residência, o consumidor pode utilizar contas de consumo, como água, telefone, internet, energia e gás, fatura do cartão de crédito, boleto condominial, mensalidade escolar e entre outros. Se não possuir nenhuma despesa em seu nome, é possível verificar com a administradora a possibilidade de apresentar um comprovante em nome de terceiros, desde que consiga comprovar o vínculo com a pessoa em questão, como no caso de pais ou cônjuge. Importante que o documento tenha sido emitido há, no máximo, três meses.

Confira 4 dicas para fazer um bom uso do 13º salário

Comprovante de estado civil

O comprovante de estado civil nada mais é do que a certidão de nascimento, para quem está solteiro, ou a certidão de casamento, para quem se casou em cartório. Nos casos de união estável, o documento que formaliza a união é o suficiente. Cabe dizer que, para pessoas casadas, também é comum que a administradora solicite documentos do cônjuge.

Matrícula do imóvel e certidão de IPTU

Quem for contemplado em um consórcio de imóvel, deverá apresentar a matrícula imobiliária do bem e a certidão negativa do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Também é solicitada a Certidão de Valor Venal ou certidão de dados cadastrais, em que deve constar o endereço completo e as metragens. Esses documentos podem ser solicitados na prefeitura em que o imóvel está localizado, e devem ter sido emitidos há, no máximo, 30 dias.

Certificado de Registro do Veículo

No consórcio de veículo, por sua vez, se o participante optar por adquirir um veículo usado, deverá apresentar o Certificado de Registro do Veículo. O intuito é verificar se o bem está vinculado a alguma outra operação financeira, já que é comum que seja estabelecida a alienação fiduciária, se o consorciado for contemplado e ainda possuir parcelas a serem pagas.

Proposta de venda ou prestação de serviço

Por fim, outro item comumente solicitado pelas administradoras é a proposta de venda do bem ou de prestação do serviço, que deve ser emitido por pessoa física ou jurídica, de acordo com o padrão estabelecido pela empresa responsável pelo consórcio. O principal objetivo é certificar-se de que o valor da carta de crédito corresponde ao preço do bem ou serviço.

Previdência privada ou consórcio: qual escolher?

A falta de documentos pode impedir a contemplação?

Sim, o consorciado que não apresentar a documentação necessária e de forma correta, pode ter a contemplação impedida, ou seja, a carta de crédito é bloqueada até que todos os itens sejam entregues. Portanto, para que não haja atraso na liberação do crédito, a recomendação é olhar atentamente os documentos necessários.

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixa nos comentários. E para ficar por dentro desse e outros temas, não deixe de acompanhar a FinanZero por aqui e nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Previdência privada ou consórcio: qual escolher?

Veja quando vale a pena a previdência social ou consórcio, qual são as principais diferenças entre as modalidades e como cada um funciona.

Ler artigo completo

0 respostas para “Documentação para consórcio: confira a lista completa”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasFlip – Empréstimo para Pessoa JurídicaZippi – Empréstimo para Pessoa JurídicaJuvo – Empréstimo com garantia de celularBanco Inter – Crédito Consignado OnlineMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineL&M – Consultoria em meios de pagamentoRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresas
Solicite seu empréstimo