Levantamento do TSE também indica que a maioria dos homens pretos inscritos é casada e tem ensino médio completo

Pela primeira vez na história das eleições brasileiras, homens pretos são a maioria dos candidatos.

Levantamento prévio do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) indica que o perfil médio dos elegíveis em 2020 é homem, preto, casado, na casa dos 45 anos e com ensino médio completo.

Por ora, mais de 548 mil candidatos já se registraram para o pleito deste ano. Destes, 49,9% são pessoas pretas (que se declaram pretos ou pardos).

Brancos representam 47,8%. Além disso, 0,4% são autodeclarados indígenas e 0,4% se declaram amarelos.

Completam o total 1,6% que não deram informação de raça.

Leia mais: Como um empréstimo consignado pode te ajudar?

Homens pretos são maioria entre vereador

Embora a maioria dos candidatos seja de homens pretos, há diferenças por cargo. Entre vereadores, pretos representam 51%.

No entanto, quando se trata de prefeito e vice, a proporção muda para 63% e 59%, nesta ordem.

A questão de escolaridade também se difere em relação ao tipo de cargo. Chapas para prefeitura têm majoritariamente graduados, enquanto vereadores têm, em sua maioria, ensino médio completo.

Simule um empréstimo com a FinanZero!

Raça mudou, mas gênero, idade e formação, não

Além da mudança histórica sobre raça, no entanto, não houve mudança significativa no perfil médio dos candidatos: 67% dos candidatos são homens, contra 33% mulheres.

Mulheres, no entanto, aparecem em ainda menor proporção nas prefeituras: apenas 13%. Assim sendo, 87% dos candidatos são homens.

No cargo de vereador, as mulheres são 34%, enquanto os homens são 64%.

Entenda: Cresce número de mulheres nas eleições, mas como vice

O que mais você gostaria de saber sobre as Eleições 2020? Comente suas dúvidas!

Siga a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.