Sim, o IOF pode ser cobrado na fatura do seu cartão de crédito. E por isso, nesse post, reunimos algumas informações importantes para você

Ao receber a sua fatura do cartão de crédito, é sempre crucial conferir o que está sendo cobrado. Afinal, ninguém quer realizar nenhum pagamento indevido, certo?

Em algumas faturas, especificamente, pode haver a cobrança do IOF. Portanto, vamos falar sobre ele hoje. Assim, você consegue entender exatamente o que está sendo cobrado e quais são os motivos.

Cartão de crédito Mercado Pago: Saiba se o seu foi aprovado

Afinal, o que é o IOF?

Em resumo, o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) é um imposto federal pago por pessoas físicas ou jurídicas.

Basicamente, o IOF pode ser cobrado em qualquer operação financeira. Tais como:

  • Uso do cartão de crédito;
  • Câmbio, seguro ou operações de títulos;
  • Contratação de um empréstimo;
  • Compra e venda de moedas estrangeiras;
  • Resgate de investimentos.

Além disso, o governo também o utiliza como uma forma de controlar a economia do nosso país.

Como conseguir um empréstimo com os melhores juros?

Quando o IOF é cobrado no cartão de crédito?

De forma geral, se você faz uma compra aqui no Brasil não há necessidade de pagar o imposto.

Contudo, existem algumas situações que podem haver cobranças. Listamos as principais:

  1. Postergar o pagamento, ou seja, entrar no crédito rotativo;
  2. Fazer compras no exterior;
  3. Parcelar a fatura.

Vale ressaltar que, as taxas para cada uma dessas situações pode variar.

Por exemplo, na situação 1, é cobrado 0,38% do valor mais uma taxa diária de 0,0082%. Por outro lado, na situação 2, há a cobrança de 6,38% de IOF sobre o valor da compra.

Como consultar seu empréstimo consignado pelo Dataprev

E como evitar a cobrança do IOF no meu cartão?

Sem formula mágica, a nossa dica é não jogar uma dívida para o futuro e sempre organizar suas despesas para não entrar em parcelamentos que podem te atrapalhar.

Do mesmo modo, pague sempre as contas em dia e não deixe nada para a última hora. Com monitoramento e conhecimento sobre essas cobranças, você se organiza e não paga nenhuma taxa adicional.

Como calcular a taxa de juros do empréstimo?

Ficou com mais dúvidas?

Por fim, ficou com mais dúvidas sobre como é a cobrança do IOF no cartão de crédito?

Então, comente. Afinal, estamos sempre à disposição para tudo o que você precisar 😉

Além disso, siga a FinanZero nas redes sociais para mais dicas e para nos acionar quando quiser: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.