O financiamento, ou empréstimo para estudar é a melhor opção para os alunos que desejam ingressar no ensino superior, porém não possuem recursos financeiros

A USP entrou novamente no ranking entre as melhores universidades do Mundo, de acordo com a pesquisa feita pela revista britânica Times Higher Education (THE), considerada uma das mais importantes na análise do ensino superior. Na avaliação geral, o ranking da publicação coloca Oxford, Stanford e Harvard como as melhores do mundo.

No Times Higher Education World University Rankings 2021, a USP está avaliada entre as 201 e 250 melhores do mundo – após o 200º lugar, as universidades são posicionadas em “faixas” de desempenho. A Unicamp está entre as 401 e 500 melhores.

Com isso a vontade de ingressar em uma das melhores faculdades do mundo faz com que centenas de estudantes apostem todas as fichas no ingresso do ensino público da Universidade de São Paulo.

Contudo, para os estudantes que não conseguiram passar no vestibular da Universidade, é possível recorrer para o ensino particular. Também muito popular no Brasil, as faculdades particulares estão cada vez mais buscando qualidade. Mas o valor da mensalidade ainda é algo caro para muitas pessoas que desejam estudar uma graduação. Nesse caso, o financiamento estudantil ou empréstimo para estudar podem ser as melhores opções.

Veja mais – Simule seu empréstimo e encontre as melhores taxas de juros do mercado!

Quais os critérios avaliam a qualidade de uma universidade?

O ranking usa cinco critérios principais para avaliar as universidades:

  • qualidade de ensino (ambiente de aprendizagem, reputação, desempenho estudantil, número de professores com doutorado, docentes premiados e renda institucional);
  • volume de publicações de pesquisa;
  • citações em artigos científicos;
  • projeção internacional (número de alunos e de professores estrangeiros);
  • e troca de conhecimento com outras instituições.

Tipos de financiamento estudantil:

Convênio com a Universidade (Financiamento da Faculdade)

A primeira coisa a se fazer é perguntar para a sua faculdade quais os convênios que ela tem para Financiamento Estudantil. Às vezes a própria faculdade tem sistemas de bolsas e financiamentos próprios bastante em conta.

FIES (na Caixa ou Banco do Brasil)

Pela Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil o estudante tem acesso ao financiamento estudantil por meio do Fies. O curso só começa a ser pago depois de concluído, e a taxa de juros é bem baixa: 3,4% ao ano.

Veja também – Qual o melhor site de cursos online grátis com certificado?

Financiamento Estudantil Pravaler

Com o PraValer é possível financiar cursos de graduação, pós-graduação, MBA e cursos técnicos. Para aderir, é necessário que a instituição de ensino seja parceira do programa o qualé ofertado para mais da metade das instituições nacionais.

O interessado deve:

  • estar com o nome limpo;
  • comprovar renda 2 vezes maior do que o valor da mensalidade;
  • assumir financiamento que pode ser de até 50% do valor total do curso.

Caso o estudante não consiga comprovar renda, ainda existe a opção de apresentar um fiador que comprove renda de 2,5 vezes do valor da mensalidade do curso. O estudante paga as parcelas durante o curso e após a formatura, assim como no sistema do FIES.

Como funciona o pagamento do FIES?

A forma de pagamento do FIES possui três etapas:

  1. Durante o curso – R$ 150 a cada três meses + parte da mensalidade (para quem não financiou 100% do curso);
  2. Logo após a formação – 18 meses para pagar R$ 150 a cada três meses;
  3. Após 18 meses da formação – Parcelamento do valor que falta para ser pago nos próximos anos. O prazo é: três vezes a duração do curso. Obs.: Você pode negociar a antecipação do pagamento com o banco após a formatura.

Como funciona o pagamento do Pravaler?

A forma de pagamento do Pravaler possui duas etapas:

  • Durante o curso – Pagamento de parcelas menores do que a mensalidade cobrada pela faculdade;
  • Após a formação – Você terá o mesmo período de duração do curso para pagar o restante de parcelas com valor reduzido.
  • Obs.: É possível antecipar o pagamento quando quiser. E você pode usar o Pravaler mesmo se tiver bolsa ou desconto na faculdade ou o financiamento do Fies.

Veja também – Cursos online gratuitos de finanças pessoais e investimentos

Como pedir um empréstimo para estudar?

Outra opção para realizar o sonho de estudar e começar uma nova carreira é investir em um empréstimo para estudar. Para isso é fácil! Basta ver o passo a passo a seguir:

  • Faça um cálculo de quanto será necessário para começar a investir em seus estudos;
  • Verifique quanto é possível pagar por mês no caso de um empréstimo (vale lembrar que a parcela não pode ultrapassar 30% do valor da renda mensal da pessoa);
  • Faça uma cotação de empréstimo com um buscador de crédiuto que oferece até 10 ofertas com um único cadastro, assim como a FinanZero;
  • Selecione o valor que deseja solicitar e cadastra-se.

Depois é só esperar o dinheiro cair na conta.

Ficou com mais alguma dúvida sobre como a pesquisa do Banco Central ou sobre dívidas com Cartão de Crédito? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.