FinanzeroBlogBenefícios do Governo

O que mudou no salário-maternidade?

O que mudou no salário-maternidade?

Compartilhe esse post:

STF determina que salário-maternidade não deve ter cobranças previdenciárias

O Supremo Tribunal Federal (STF) estabeleceu que é institucional a incidência de contribuição previdenciária sobre o salário-maternidade, que é pago durante a licença-maternidade.

Até o momento, o salário-maternidade era tributado como um salário normal, por conta da sua natureza remuneratória. O julgamento teve início em novembro do ano passado, em 2019, e foi concluído nessa terça-feira (4) em plenário virtual, fechando por 7 votos contra 4.

O que é salário-maternidade?

O salário-maternidade, também conhecido como auxílio-maternidade, é um benefício oferecido pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e é pago à pessoa contribuinte que se afasta do seu trabalho por um período (o da licença-maternidade), por motivo de:

  • nascimento de filho;
  • adoção de uma criança;
  • guarda-judicial para fins de adoção,
  • aborto não criminoso.

O objetivo do benefício é auxiliar financeiramente na complementação da renda das mães depois da chegada do filho.

Veja mais – O que é, qual o valor e quem pode pedir o Cartão Merenda?

O que é licença-maternidade?

A licença-maternidade é o período de afastamento das atividades relacionadas ao trabalho da mulher. O período de 120 dias (4 meses) é assegurado pela Constituição Federal de 1988.

Quem tem direito ao salário-maternidade?

São casos que têm direito ao salário-maternidade:

  • Mulheres que tenham dado à luz;
  • Adotado uma criança menor de idade;
  • Ter sofrido um aborto espontâneo ou aborto previsto em lei,
  • Casos de bebês natimorto (morte do feto dentro do útero ou no momento do parto).

Tipos de contribuintes que têm direito ao benefício:

  • Trabalhadoras com carteira assinada
  • Contribuintes autônomas;
  • Contribuintes facultativas;
  • MEIs (Microempreendedoras individuais);
  • Desempregadas;
  • Empregadas domésticas;
  • Trabalhadoras rurais,
  • Cônjuge ou companheiro, em casos da segurada falecer.

Para solicitar o auxílio é necessário que a mulher seja segurada do INSS, ou seja, contribua todos os meses para a Previdência Social.

Veja mais – INSS: projeto de prova de vida digital. Entenda

Como solicito o meu salário-maternidade?

De acordo com o INSS, o salário-maternidade pode ser recebido de duas formas. Em casos de seguradas empregadas com carteira assinada, o benefício é pago diretamente pelo empregador. Os outros casos que devem solicitar o salário diretamente com o INSS são:

  • Microempreendedoras individuais (MEIs);
  • Empregadas domésticas;
  • Adotantes de criança menor de idade,
  • Casos de falecimento da segurada empregada.

Encontre agora as condições ideais de taxas de juros e parcelamento para o seu empréstimo pessoal online!

Como solicito o auxílio-maternidade na minha empresa?

É preciso informar ao RH (Recursos Humanos) da empresa sobre a gravidez ou sobre a adoção de menor. A partir daí é responsabilidade do local de trabalho da pessoa informar ao INSS sobre a situação e solicitar o auxílio.

  • Em casos de parto é necessário fazer o pedido a partir de 28 dias antes do nascimento da criança. E deve comprovar com um atestado médico ou certidão de nascimento do bebê;
  • Nos casos de aborto, a solicitação pode ser feita a partir do aborto. Comprovar com atestado médico,
  • Já em casos de adoção, o pedido pode ser feito a partir da adoção ou da guarda para fins de adoção. Para comprovar basta ter em mãos o termo da guarda ou a nova certidão da criança.

Como fazer o pedido do salário-maternidade no INSS?

O pedido do benefício pode ser feito pelo site do Meu INSS ou pelo número da central de atendimento 135.

  • Acesse o site Meu INSS;
  • Crie uma senha ou faça login;
  • Escolha a opção “salário-maternidade”
  • Clique em “iniciar” na página seguinte,
  • Preencha as informações pedidas – dados como matrícula da certidão de nascimento, data de nascimento e data do registro.

Seguradas que não tiverem a certidão de nascimento da criança devem clicar em “iniciar sem certidão”.

Ficou com mais alguma dúvida sobre as mudanças no salário-maternidade? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.

Próximo artigo

Erro “desculpe não consegui recuperar as informações do seu cartão” no Caixa Tem. O que fazer?

Erro no cartão de do Caixa Tem impossibilita que o benefício faça compras online Mais […]

Ler artigo completo

0 respostas para “O que mudou no salário-maternidade?”:

  1. Não existe nenhum comentário nesse post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por:

Benefícios do GovernoCréditoDestaquesFinanças PessoaisImpostosMercadoNegócios
PáginasFlip – Empréstimo para Pessoa JurídicaZippi – Empréstimo para Pessoa JurídicaJuvo – Empréstimo com garantia de celularBanco Inter – Crédito Consignado OnlineMycon – Consórcio OnlineFortBrasil – Cartão de CréditoSeguro de AutomóvelCrefaz – Empréstimo OnlineFinanciamento imobiliário – FinanZeroConsórcio de serviçosWill Bank – Cartão de Crédito OnlineBrasilCard – Cartão de Crédito OnlineQred: Empréstimo Empresarial OnlineCréditoJá – Refinanciamento de Imóvel OnlineNovo Saque: Crédito Pessoal OnlineFinnsaúde – crédito para saúdeConsórcio de imóveisConsórcio de automóveisApê 11 – Financiamento Imobiliário OnlineQindin – serviços onlineSuperdigital – serviços 100% onlineMister Money – Empréstimo onlineFinanZero- uma nova parceria ParcelexZanTomPay – Soluções em pagamentosZanTom – Empréstimo OnlineBLU365 – Empréstimo onlineTopsolus – Soluções financeiras online98 Pay – Soluções para pagamentosAqui Tem Cred – Empréstimo OnlineAmbler Bank – Empréstimo OnlineL&M – Consultoria em meios de pagamentoRodobens – Empréstimo com garantia de imóvelup.p – Antecipe seu FGTSJeitto – Crédito para pagar suas contas do mêsJBcred – Empréstimo Pessoal OnlineCentral da Visão – Procedimentos mais acessíveisQery – Empréstimo Pessoal OnlineVivo Valoriza EmpresasZema – Empréstimo Pessoal OnlineQista – Empréstimo Pessoal OnlineEmpréstimo com garantia de imóvelCapital Empreendedorhome 2022 teste abEmpréstimo com garantia de veículoEmpréstimo com Garantia de CelularEmpréstimo para MEISimulador de Empréstimo OnlineHome EquityEmpréstimo FGTSEmpréstimo para empresas
Solicite seu empréstimo