Segurança Virtual

Recebi a oferta de um parceiro, mas ele pede a senha do Internet Banking. Isso é seguro?

A senha do Internet Banking pode ser solicitada por nossos parceiros durante a análise de crédito. As ofertas enviadas pela FinanZero pelos seus canais (e-mail e SMS) são pré-aprovadas. Ou seja, de acordo com os dados coletados do seu perfil, a proposta foi feita por um de nossos parceiros. Entretanto, para a oferta ser aprovada e o crédito poder ser contratado pelo cliente, o mesmo deverá confirmar os dados informados por meio do envio de documentos.

Em alguns casos, o comprovante de renda é o extrato bancário do cliente, e por isso nossos parceiros solicitam a senha do Internet Banking:

  1. para verificar o comprovante de renda;
  2. o histórico de pagamentos;
  3. receitas, dívidas;

A senha do Internet Banking NÃO permite que as instituições financeiras façam qualquer movimentação na conta bancária do consumidor, tal senha nunca é solicitada pela FinanZero ou por seus parceiros.

Para mais informações, confira o post do blog “5 dicas para não cair em fraudes bancárias“.

Recebi uma oferta por e-mail da FinanZero. E agora?

A FinanZero pode enviar ofertas por e-mail, incluindo ofertas específicas de parceiros quando estes renovam suas propostas de empréstimo pessoal, refinanciamento de imóvel ou refinanciamento de veículo.

Caso você tenha recebido uma oferta por e-mail, é necessário compreender em primeiro lugar que esta proposta é pré-aprovada. Ou seja, com base na análise feita nos dados informados por você no cadastro no site da FinanZero, a proposta foi feita por um parceiro. Mas será necessário confirmar tais dados para que o crédito seja aprovado, por meio do envio da documentação solicitada.

Geralmente esses documentos são:

  1. Cópia do comprovante de renda (holerite, extrato bancário, Declaração do Imposto de Renda ou pro-​labore);
  2. Cópia do RG;
  3. Cópia do CPF;

Outros documentos podem ser solicitados de acordo com a política de cada parceiro da FinanZero. Ou seja, um parceiro pode solicitar algo que não necessariamente o outro também pedirá.

Para conferir a lista de parceiros da FinanZero, clique aqui.

Para mais informações, confira o post do blog “Como saber se um empréstimo é golpe?“.

Quais são os canais oficiais de atendimento da FinanZero?

Os canais oficiais de atendimento da FinanZero são:

  • Messenger do Facebook: a conta oficial da FinanZero no Facebook é verificada. Desta forma, há um selo de verificação azul acompanhado do nome da empresa na rede social.
  • Inbox do Instagram: a conta oficial da FinanZero no Instagram é verificada também. Desta forma, há um selo de verificação azul acompanhado do nome da empresa na rede social.
  • Assistente virtual (chat): na página de login do nosso site é possível obter ajuda da nossa assistente virtual, que pode direcionar o cliente ao nosso time de Customer Success caso seja necessário.
  • Telefone: 0800 607 3001 (funcionamento de segunda à sexta-feira, das 9h às 18h. Atendemos a todo o Brasil).
  • WhatsApp: contato feito somente para envio de ofertas ao cliente e/ou formalização do pedido.

Atenção! NUNCA solicitamos valores antecipados via WhatsApp.

Conforme normas do Banco Central (BC), quaisquer cobranças de taxas e demais tarifas dos serviços já estão inclusas diretamente nas parcelas do crédito contratado. Antes disso não há qualquer pagamento que deve ser feito pelos clientes. Portanto, caso alguém solicite a você um depósito antecipado, fique atento aos nossos canais de atendimento!

Para mais informações, confira o post do blog “A Finanzero é confiável?“.

A FinanZero cobra algum depósito antecipado?

A FinanZero não cobra nenhum depósito antecipado, seguindo a norma estabelecida pelo Banco Central (BC). De acordo com tal norma, quaisquer taxas cobradas pelos nossos parceiros já estão inclusas no parcelamento do empréstimo solicitado.

A FinanZero atua como correspondente bancário no Brasil, tendo um marketplace que conecta clientes às instituições financeiras. Para os clientes, o nosso serviço é 100% gratuito, não havendo qualquer tipo de cobrança ou pedido de depósito antecipado por qualquer integrante do nosso time em todo o processo de contratação do empréstimo.

Alertamos ainda para que os clientes fiquem atentos a possíveis estelionatários, os “golpistas”, que utilizam termos como estes abaixo para solicitar cobranças indevidas e que caracterizam crime, conforme o artigo 171 do Código Penal:

  1. “Taxa de avalista”;
  2. “Tarifa pelo score baixo”;
  3. “Taxa antecipada de contratação do seguro do crédito”;
  4. “Depósito de liberação”;
  5. “Depósito antecipado”;
  6. “Juros antecipados.

Para mais informações, confira o post do blog “Como identificar golpes do empréstimo?”. Além disso, fique atento às comunicações oficiais da FinanZero:

  1. Selo de verificação nas redes sociais: nossas contas no Instagram e no Facebook são verificadas pelas redes sociais;
  2. E-mails da empresa possuem domínio próprio: a comunicação oficial da FinanZero por e-mail parte de contas com a terminação @finanzero.com.br;

Portanto, caso alguém solicite a você um depósito antecipado para liberação de empréstimo, fique atento! E lembre-se que nós não realizamos esse tipo de cobrança. Uma dica extra que deixamos para os nossos clientes é consultar o CNPJ da empresa na Receita Federal antes de fechar qualquer negociação de cunho financeiro.