Algumas modalidades de empréstimo permitem que o solicitante não apresente comprovante de renda, contudo, a regra varia entre as instituições financeiras.

O comprovante de renda é considerado um documento importante em algumas modalidades de crédito, como o empréstimo pessoal, e até mesmo para solicitar outros serviços financeiros, como financiamentos e cartão de crédito.

Isso acontece porque é a partir do comprovante que as instituições financeiras analisam a renda do consumidor, a fim de estipular qual será o limite ou crédito concedido, bem como o prazo de pagamento. Contudo, é sabido que trabalhadores com carteira assinada têm mais facilidade em comprovar renda, já que basta apresentar o holerite.

Da mesma forma, os profissionais que atuam de forma autônoma em negócios não regularizados ou ainda quem obtém renda oriunda do pagamento de aluguéis pode ter dificuldade para apresentar um comprovante de renda.

10 áreas em alta para profissionais autônomos em 2022.

É possível fazer um empréstimo sem comprovar renda?

Sim, é possível fazer um empréstimo sem comprovar renda, no entanto, é válido ressaltar que isso depende de cada instituição financeira, pois é possível que algumas concedam crédito, mesmo que o solicitante não apresente documentos que comprovem sua receita, enquanto outras não o façam, devido ao risco de inadimplência.

Além disso, o consumidor deve avaliar quais são as taxas de juros e prazo praticados, já que por ser uma operação considerada de risco para as instituições, é comum que as taxas e o Custo Efetivo Total (CET) sejam mais elevados.

Qual empréstimo não precisa comprovar renda?

Como dito anteriormente, os empréstimos que não exigem comprovação de renda variam de acordo com cada instituição, isso é, enquanto algumas concedem o valor, outras podem não aceitar a solicitação. Dessa forma, a seguir apresentaremos algumas opções de empréstimos que podem ser solicitados sem a obrigatoriedade de apresentar um comprovante de renda.

Empréstimo com garantia de imóvel

Também conhecido como refinanciamento de imóvel ou home equity, essa é uma das modalidades de crédito que conta com as menores taxas de juros e maior disponibilidade no valor do crédito. Isso acontece porque, no empréstimo com garantia de imóvel, o bem é utilizado como garantia de pagamento.

Dessa forma, em caso de não pagamento, o imóvel é utilizado pela instituição financeira como forma de quitar a dívida. Sendo assim, a modalidade permite que alguns consumidores solicitem uma quantia sem comprovar renda utilizando sua casa, apartamento, terreno e entre outros.

O empréstimo com garantia de imóvel permite a concessão de crédito de até 70% do valor do bem, entretanto, é necessário que o imóvel esteja com uma parte quitada, que pode variar entre 50% e 80%, a depender da instituição.

Quem tem nome sujo pode pegar empréstimo Caixa Tem?

Empréstimo com garantia de automóvel

O empréstimo com garantia de automóvel funciona de forma parecida ao citado anteriormente, neste caso, contudo, o bem utilizado como garantia é o automóvel, que pode ser carro, moto, caminhão e, em alguns casos, trator ou lancha. Da mesma forma, essa modalidade também conta com taxas mais baixas e valores de crédito mais altos.

Vale dizer, no entanto, que as quantias concedidas no empréstimo com garantia de automóvel tendem a ser menores que no empréstimo com garantia de imóvel, já que, comumente, o bem em questão possui valor inferior.

Para solicitar essa modalidade de crédito, que também é chamada de auto equity e refinanciamento de automóvel, é preciso que a documentação esteja em dia e o veículo tenha até 10 anos de fabricação.

Microcrédito

O microcrédito é uma modalidade de empréstimo voltado para os pequenos empreendedores que, por não conseguirem comprovar renda, podem ter dificuldades para acessar os empréstimos tradicionais. Na prática, essa linha é destinada para quem deseja abrir ou investir em um negócio.

Dessa forma, quem contrata um microcrédito, obrigatoriamente, deve utilizar o dinheiro obtido em prol de um negócio, pois esse é um dos requisitos para a concessão do crédito. Logo, é comum que as instituições exijam a apresentação de um planejamento detalhada da empresa, bem como o objetivo de aplicação do dinheiro.

Fui demitido na experiência, quais meus direitos?

Penhor

O penhor é uma das modalidades de empréstimo sem comprovação de renda mais antigas, contudo, atualmente é pouco utilizada e somente a Caixa Econômica Federal oferece. Na prática, essa linha de crédito consiste no solicitante oferecer um objeto de valor como garantia de pagamento da dívida, que podem ser joias, pratarias, equipamentos e outros objetos.

Ao solicitar o crédito, um especialista fará a avaliação do bem, que levará em consideração as características e valor da peça. A partir daí, é definida uma quantia para concessão, contudo, o bem fica sob posse da instituição enquanto o valor não for quitado, diferentemente do empréstimo com garantia de imóvel ou automóvel, que ainda pode ser utilizado pelo proprietário.

Em relação ao crédito, é possível obter até 85% do valor do bem, no entanto, as taxas de juros podem ser mais altas, quando comparadas às outras modalidades que utilizam algum bem como garantia de pagamento.

Tem mais alguma dúvida sobre como obter um empréstimo sem comprovar renda? Deixa nos comentários. Ah, e não deixe de acompanhar a FinanZero por aqui e nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.