Caixa Econômica Federal já liberou o calendário do saque-aniversário do FGTS 2021; por isso, confira datas e quem tem direito ao benefício

A modalidade do saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) teve início em abril de 2020. Basicamente, essa opção possibilita que o trabalhador retire por ano uma parte do valor das contas do Fundo de Garantia, de acordo com o mês em que nasceu.

Além disso, é importante lembrar que existe um limite de tempo para sacar o valor do saque-aniversário. Isso porque o período de saque inicia no primeiro dia útil do mês de aniversário da pessoa e termina no último dia útil do segundo mês seguinte.

Por exemplo: se a data de aniversário do trabalhador for 3 de fevereiro, ele terá de 1 de fevereiro a 30 de abril para realizar o saque.

Confira – Peça uma cotação grátis e receba ofertas de empréstimo pessoal de até 10 parceiros FinanZero!

Calendário do saque-aniversário do FGTS em 2021

Mês de aniversárioPrazo para saque
Janeiro4 de janeiro a 31 de março
Fevereiro1 de fevereiro a 30 de abril
Março1 de março a 31 de maio
Abril1 de abril a 30 de junho
Maio3 de maio a 30 de julho
Junho1 de junho a 31 de agosto
Julho1 de julho a 30 de setembro
Agosto2 de agosto a 29 de outubro
Setembro1 de setembro a 30 de novembro
Outubro1 de outubro a 31 de dezembro
Novembro1 de novembro a 31 de janeiro de 2022
DezembroPor fim, 1 de dezembro a 28 de fevereiro de 2022

Qual valor do saque-aniversário?

A resposta para essa pergunta é: depende. Isso porque o valor disponível para saque varia de acordo com o valor total na conta do FGTS. No entanto, de acordo com as alíquotas, quanto maior a quantia disponível em cota, menor será o valor para resgate.

Por isso, confira abaixo as alíquotas:

  • Até R$ 500 – tem alíquota de 50%;
  • De R$ 500,01 até R$ 1.000 – alíquota de 40%;
  • Já R$ 1.000,01 até R$ 5 mil – alíquotas de 30%;
  • De R$ 5.000,01 até R$ 10 mil – apenas 20%;
  • Além disso, R$ 10.000,01 até R$ 15 mil – alíquota de 15%;
  • De R$ 15.000,01 até R$ 20 mil – com alíquota de 10%,
  • Por fim, acima de R$ 20 mil só pode resgatar com alíquota de 5%.

Leia também – Como utilizar o FGTS na compra de imóvel?

Como optar pelo saque-aniversário no FGTS?

Basicamente, para solicitar o saque-aniversário do FGTS basta solicitar:

  • APP FGTS;
  • Site do FGTS;
  • Além disso, no Internet Banking;
  • Por fim, nas agências.

É obrigatório solicitar o saque-aniversário?

Não. O trabalhador não é obrigado a solicitar a modalidade do saque-aniversário. Isso porque quem não quiser resgatar o valor, a Caixa Econômica Federal vai manter o dinheiro na conta do FGTS.

O que acontece se eu não resgatar o valor?

De acordo com a Caixa, caso o trabalhador não saque o recurso até a data limite, ele volta automaticamente para a conta da pessoa no FGTS. Por isso, não precisa se preocupar em perder o dinheiro!

Confira – Como alterar o e-mail cadastrado no FGTS?

O que é saque-aniversário do FGTS?

O saque-aniversário é uma modalidade do FGTS que permite que o trabalhador retire uma quantia do Fundo de Garantia no seu mês de aniversário.

Por isso, ao optar por essa modalidade há duas consequências diretas:

  • O trabalhador pode optar pelo saque-aniversário do FGTS e sacar um valor todos os anos;
  • No entanto, por conta dos saques anuais, o trabalhador perde o benefício de resgatar o valor integralmente em casos de demissão por justa causa.

Quem tem direito?

Basicamente, todo trabalhador com contrato ativo tem direito ao saque-aniversário do FGTS. No entanto, é importante informar a decisão do resgate ao banco.

Por fim, ficou com mais alguma dúvida sobre o saque-aniversário do FGTS? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.