Empresas de todo o País passam por dificuldades e precisam recorrer ao empréstimo para conseguir pagar as contas. Contudo, qual a melhor opção de crédito do mercado?

Entre as medidas do Governo para passar pela crise causada com a paralisação das atividades empresariais estão as que visam ampliar os recursos para a oferta de crédito pra quem é Micro e Pequenas Empresas (MPE) e Microempreendedores Individuais (MEI).

Veja também – Será que devo pedir um empréstimo ou não?

Uma parceria entre o Sebrae e a Caixa, anunciada em meados de abril, ampliou a oferta de linhas de crédito para financiamento de capital de giro para essa galera, com garantias a mais ainda, concedidas pelo Sebrae. Tudo, é claro, por meio do Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe).

Sendo assim, para o MEI, o valor máximo que pode ser contratado pela Caixa à primeira vista é de R$ 12,5 mil, com taxa de 1,59% ao mês.

Entretanto o financiamento poderá ser pago em 24 meses após o período de carência, que é de nove meses após a liberação do crédito. As condições para os pequenos negócios acessarem a linha de crédito com garantias do Fampe pela Caixa são:

  • Ter pelo menos 12 meses de faturamento;
  • Bem como, não ter restrições no CNPJ ou no CPF do proprietário ou dos sócios.

Como pedir o FAMPE?

O Fampe (Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas) pode garantir de forma complementar até 80% de um financiamento. Entretanto, isso só pode junto a uma instituição financeira conveniada.

Nesse sentido, o Fampe tem disponibilidade em alguns bancos, que têm parceria com o Sebrae. São eles:

Mas para solicitar o empreendedor deve consultar o gerente de sua pessoa jurídica e se informar sobre as linhas de crédito certas às suas necessidades.

E, ainda deve consultar sobre a possibilidade de incluir o Fampe como aval complementar, no caso das garantias reais e pessoais não serem suficientes para atender aos requisitos do banco.

A instituição financeira pode exigir ainda assim a elaboração de um plano de negócios ou uma proposta de crédito para a análise.

A instituição financeira analisará a proposta de crédito e informará se será necessário ou não o uso do Fampe.

Empréstimo para empresas online: como fazer?

Mesmo antes da pandemia, as linhas de crédito para empresas oferecido por agentes financeiros online já se eram uma ótima opção para empresas e pequenos empreendedores. Seja como for, a modalidade online é bem-vinda nesse momento.

O modelo se consolidou nos últimos anos e provou que fazer empréstimo online é seguro, desde que você escolha uma instituição séria e comprometida, assim como os parceiros da FinanZero.

Entre os benefícios dessa linha de crédito para empresas estão:

  • taxas de juros mais baixos do que o praticado por instituições financeiras tradicionais, pois você escolhe a melhor opção que cabe em seu bolso;
  • baixa burocracia para acesso ao crédito;
  • o crédito está disponível em cerca de 48 horas após assinar o contrato online.

Qual o tipo de empréstimo disponível para minha empresa?

Os tipos de empréstimo que você pode pedir para a sua empresa varia de acordo com:

  • o valor que preciso;
  • quantidade de parcelas para quitar o débito;
  • qual o meio de pagamento;
  • se terá ou não garantia de pagamento.

Veja os empréstimos que os parceiros da FinanZero oferecem com condições únicas.

Empréstimo Pessoal

O empréstimo pessoal, também conhecido como crédito pessoal, é um dos produtos financeiros mais procurado em:

Como resultado, entre os principais motivos para buscar um empréstimo online está investir no próprio negócio ou ajudar com a empresa. Com isso, é necessário que essa linha de crédito seja de fácil acesso e para fazer um pedido de crédito pessoal é fácil:

  • Escolha o valor desejado;
  • Selecione o número de parcelas;
  • Preencha os dados pessoais solicitados.

Após preencher o cadastro, nossos parceiros poderão pré-aprovar até 10 ofertas de empréstimo em no mínimo 5 minutos.

Veja também – Qual a diferença entre empréstimo pessoal e financiamento?

Vale lembrar que, ao optar pelo empréstimo pessoal, você terá que arcar com as taxas de juros, que variam entre instituições financeiras. Dessa forma, esse cálculo, que soma o valor do empréstimo ao valor dos juros e das taxas administrativas, é chamado de CET: custo estimado total.

Apesar disso, é importante saber, também, que tanto a FinanZero quanto nossos parceiros não cobram nenhum depósito ou taxa antecipados ao conceder crédito pessoal!

Logo após o empréstimo ser aprovado e o valor ser depositado em sua conta, você conseguirá usar o seu crédito pessoal como desejar.

Porém, é necessário que você se planeje para conseguir pagar as parcelas do seu empréstimo online. Para isso, você poderá optar por parcelar seu crédito pessoal em até 24 vezes, por:

  • cheques,
  • boletos bancários; ou
  • débito automático.

Além disso, para solicitar um empréstimo você precisa:

  • Ter o número do seu CPF;
  • Ter 18 anos ou mais.

Refinanciamento

Nem sempre o empréstimo pessoal consegue suprir a necessidade do empreendedor. Por isso, outras opções de empréstimo que podem ser solicitados no site da FinanZero são:

Refinanciamento de Imóvel:

Também conhecido como empréstimo de garantia de imóvel ou Home Equity, em outras palavras essa é uma modalidade de concessão de crédito que o consumidor coloca um bem imobiliário como garantia de pagamento do valor solicitado. Por isso, para solicitar esse empréstimo é necessário ter no próprio nome um dos seguintes bens:

  • terreno;
  • casa;
  • apartamento;
  • lote;
  • área comercial.

Com isso, as vantagens desse tipo de empréstimo são:

  • maior tempo de pagamento (até 240 meses para quitar o valor solicitado);
  • possibilidade de emprestar até R$ 1.000.000;
  • juros a partir de 0,89%a.m..

Refinanciamento de Veículo:

Popularmente chamado de Refin, ou empréstimo com garantia de veículo, é uma linha de crédito em que você precisa ter um veículo em seu nome para realizar o pedido. São aceitos os seguintes bens como garantia:

  • carro;
  • utilitário;
  • moto;
  • ônibus;
  • micro-ônibus;
  • van;
  • caminhão.

Dessa forma, a parte boa desse tipo de crédito é:

  • até 48 meses para quitar o débito;
  • possibilidade de emprestar até R$ 100.000;
  • juros a partir de 1,49%a.m.

Certamente, se você precisa de uma graninha extra, já sabe: simule já com a FinanZero!

Além disso, ficou com mais alguma dúvida sobre empréstimo para empresas? Deixe aqui e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.