O IPTU digital é uma substituição do IPTU em carnê; eles funcionam da mesma maneira, mas sem a emissão em papel

Foi-se os tempos de carnê de IPTU em muitas cidades brasileiras! Afinal, em 2021, muitos municípios do país adotaram a versão digital do imposto.

Com essa versão digital, cidades como Guarujá, Campinas e Ribeirão Preto, todas em São Paulo, as prefeituras esperam agilizar o processo do IPTU.

Além disso, os prefeitos esperam economizar dinheiro com a impressão dos carnês. Afinal, a taxa de emissão tem custo para os governos.

No mais, desde o ano passado alguns municípios, como São Paulo, adotaram a versão do IPTU digital, em função do coronavírus.

No entanto, o que isso implica para os moradores, que precisam pagar seus IPTUs em um novo processo?

IPVA SP 2021: confira calendário de pagamento do imposto

O que é IPTU?

IPTU é, em resumo, a sigla para Imposto Predial e Territorial Urbano. Ele é cobrado por cada prefeitura do país dos donos de imóveis, como de casas e apartamentos, e também terrenos.

Ele incide sobre:

  • casas,
  • apartamentos,
  • salas comerciais,
  • prédios;
  • ou qualquer outro tipo de imóvel em regiões urbanas.

Empréstimo para pagar IPTU e IPVA: vale a pena?

Imóveis em áreas rurais também são cobrados, mas não têm o mesmo tipo de cobrança de IPTU.

A cobrança em caso de imóveis rurais é feita pelo chamado de ITR, a sigla para o Imposto Sobre a Propriedade Territorial Rural.

Em ambos os casos, seja IPTU ou ITR, o valor arrecadado se torna renda que a prefeitura pode usar na manutenção de vias públicas e obras de moradia. Ou seja, a cobrança é municipal e não é repassada para outras autarquias.

A cobrança antes era feita por carnê e, se não for pago, é emitida uma multa no nome do proprietário do imóvel. Agora, contudo, o IPTU digital substitui a versão via carnê.

Isenção de IPTU: descubra quem tem direito

Como funciona o IPTU digital?

O IPTU digital funciona exatamente como o IPTU no carnê: você pode pagar à vista, com desconto, ou então por parcelas, as chamadas cotas mensais.

Para a primeira opção, você pode pagar direto no site da sua Prefeitura, pelo seu internet banking. Ou, então, em uma casa lotérica.

Para pagar por cotas, o procedimento é o mesmo: pelo site, usando seu internet banking, ou em uma casa lotérica.

A opção de agendar, quando falamos de parcelas, depende de cada banco e Prefeitura. Por isso, confirme a disponibilidade na sua instituição ou na sua cidade.

Empréstimo com fiador existe? Como funciona?

Como pagar o novo IPTU digital?

Para pagar o IPTU digital, você precisa entender como é o procedimento padrão da cidade onde você mora.

Entretanto, em geral, para ter acesso ao IPTU digital, você precisa entrar no site da Prefeitura do seu município, e ir até a seção IPTU.

Lá, você pede a emissão do IPTU digital e, então, paga no seu banco, pelo seu app ou pelo site, no internet banking.

Agora, caso você não tenha acesso ao site da sua cidade, você pode ir à uma casa lotérica e, por fim, pagar o seu IPTU.

IPVA SP 2021: confira calendário de pagamento do imposto

E quem tem isenção do IPTU?

Quem é isento de IPTU não precisa se preocupar com o IPTU digital. Afinal, a isenção, quando dada, só é retirada pela Prefeitura com aviso.

Então, se esse é o seu caso, fique tranquilo. Caso a isenção seja retirada, você será notificado.

Para saber quem tem direito à isenção é necessário consultar a Prefeitura da sua cidade. Isso porque as regras variam. Alguns municípios garantem isenção ou desconto para aposentados e pensionistas, por exemplo.

Ficou com mais dúvidas?

Por fim, ficou com mais dúvidas sobre o que fazer sobre o IPTU digital? Então, comente.

Estamos sempre à disposição para tudo o que você precisar 😉

Siga a FinanZero nas redes sociais para mais dicas e para nos acionar quando quiser: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.