O envio correto da documentação é um item fundamental para que os clientes possam obter suas ofertas de empréstimo pessoal

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais de 4 milhões de brasileiros recorreram as solicitações de empréstimo entre maio e julho do ano passado. A busca por crédito aumentou consideravelmente desde o início da pandemia, tendo em vista que, o Brasil enfrenta uma grande crise econômica.

Contudo, nem todos os pedidos foram concedidos pelos bancos e financeiras. Isto é, das 4 milhões de solicitações, apenas 3,3 foram de fato, foram concedidas. Ao total, aproximadamente 19% das solicitações foram negadas e os solicitantes não conseguiram dar continuidade com nenhuma oferta de empréstimo.

Entre os motivos de reprovação, podemos destacar o não envio correto de todas as informações. Dados internos da fintech FinanZero apontam que aproximadamente 50% dos clientes que começam a enviar suas documentações para análise de crédito, não concluem o pedido. Portanto, reunimos nesse post as principais informações sobre envio de documentos e a importância dessa etapa na solicitação de empréstimo.

Clique aqui e faça sua solicitação de empréstimo com a FinanZero!

Por que preciso enviar documentos para fazer empréstimo pessoal?

Quando o cliente faz a solicitação de um empréstimo, é imprescindível que alguns documentos sejam encaminhados aos bancos e instituições financeiras para que a proposta seja finalizada de forma assertiva. Isso porque, é através dessa documentação que as financeiras conseguem fazer uma compatibilidade das informações que já foram previamente informadas no cadastro do cliente.

Além disso, com o envio das documentações os bancos conseguem evitar que tentativas de fraude sejam feitas. Isto é, quando o cliente manda foto dos seus documentos oficiais e selfie do seu rosto, há uma certeza que quem está fazendo a solicitação é realmente o portador daquele CPF, e não um fraudador tentando conseguir dinheiro através dos dados de um terceiro.

Por isso, é tão importante que o cliente envie todos os documentos necessários quando faz a cotação de um empréstimo pessoal. Além de autorizar que o banco faça uma checagem completa dos dados que já foram inseridos no primeiro cadastro, o cliente assegura a privacidade das suas próprias informações e permite que o banco impeça qualquer tipo de fraude em seu nome.

TikTok: não consigo transferir meu dinheiro, e agora?

Quais documentos preciso enviar para fazer empréstimo pessoal?

Cada modalidade de empréstimo (consignado, refinanciamentos, pessoal etc) exigem diferentes tipos de documentações. Isto é, no refinanciamento de imóveis, por exemplo, além das suas documentações pessoais, o cliente também precisará comprovar todos os dados da casa, terreno ou apartamento, já que, o imóvel ficará como garantia do empréstimo.

Em contrapartida, o crédito pessoal já é popularmente conhecido por exigir menos documentos e a solicitação ser mais prática. Isso acontece pois diferente de outras modalidades atreladas a deixar algum bem como garantia, no crédito pessoal o cliente recebe o valor em conta e posteriormente faz o pagamento das parcelas com o acréscimo dos juros já informados. Sobre os documentos que são necessários para solicitação do empréstimo pessoal, podemos destacar:

  • RG ou CNH com CPF;
  • Conta de consumo da residência do cliente (água, luz, internet etc);
  • Declaração do Imposto de Renda (IR), holerite, extrato bancário ou pró-labore;
  • Selfie do próprio rosto.

Em resumo, os documentos a serem enviados sempre são os pessoais, residenciais, bancários e a selfie. É importante salientar que cada instituição financeira irá solicitar um comprovante diferente, por exemplo, o banco X exige que o comprovante de renda seja um extrato bancário dos últimos 90 dias e o banco Z um holerite dos últimos 60 dias. Mas de modo geral, os tipos de documentos solicitados para o empréstimo pessoal são sempre os citados anteriormente.

Como vai funcionar a prorrogação do auxílio emergencial 2021?

Por que a foto dos meus documentos precisa estar nítida para eu solicitar um empréstimo?

Conforme mencionado, os documentos precisam ser encaminhados corretamente por dois fatores importantes:

  1. Primeiramente, para que os bancos possam fazer a compatibilidade das informações.
  2. Em segundo lugar, para que haja uma precaução contra possíveis fraudes. Então, os documentos precisam estar legíveis para que a análise seja feita da forma correta.

Se o cliente manda foto de alguma documentação tremida, embaçada ou cortada, por exemplo, as financeiras não tem como fazer a análise da documentação, pois não é possível ler as informações do documento. Na prática, é sempre interessante que antes de mandar foto do documento, o cliente pense “eu consigo ler todas as informações que estão nessa foto?”. Se a resposta for não, provavelmente a financeira também não irá conseguir fazer a leitura correta. Nesse sentido, separamos um exemplo de como a identidade deve ser enviada:

rg-400X301

Apesar da foto apresentada se tratar de uma identidade, o critério de legibilidade para os documentos é sempre o mesmo. Assim sendo, os documentos devem estar enquadrados na foto sem cortar nenhuma informação e a figura precisa estar 100% legível, ou seja, não poderá estar embaçada, tremida ou com empecilhos que impeçam a leitura das informações.

Como ganhar dinheiro no TikTok?

Por fim, ficou com dúvidas sobre o envio de documentos para concessão do empréstimo pessoal? Se sim, deixe aqui nos comentários que a FinanZero está à disposição.

Ademais, siga a FinanZero nas redes sociais para mais dicas e para nos acionar quando quiser: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.