Veja de forma simplificada como é o processo para pedir um empréstimo pessoal

Nos últimos anos o número de instituições financeiras ofertando empréstimo pessoal cresceu. Neste post explicamos como funciona o processo para fazer o pedido.

Para realizar um pedido de empréstimo pessoal basta seguir o passo-a-passo:

  1. Escolha a financeira com a qual você deseja fazer um empréstimo. Buscadores de empréstimos te auxiliam a comparar as ofertas de mais de uma financeira com um único cadastro. Caso contrário, você deverá realizar o cadastro em cada site de cada banco ou fintech.
  2. Escolha o valor desejado e a quantidade de parcelas do empréstimo. Atualmente, a grande maioria das financeiras permite ao usuário escolher estes critérios ao fazer o pedido online. Geralmente as empresas contam com simuladores de crédito pessoal em seus sites.
  3. Faça seu cadastro e insira seus dados pessoais. Este é o momento de colocar os seus dados pessoais no formulário para que a análise de crédito do seu perfil seja feita, e o seu risco de inadimplência seja calculado.
  4. Avalie diferentes propostas de crédito pessoal. Não é recomendado realizar um empréstimo pessoal online com o primeiro banco ou fintech que você ver. Comparar o Custo Efetivo Total (CET) de cada oferta pode aliviar o bolso na hora do pagamento.
  5. Envie os seus documentos para a financeira escolhida e feche o contrato. Após realizar a escolha online, a empresa credora irá solicitar uma série de documentos. A entrega dos mesmos pode ser realizada totalmente online. Por fim, assine o contrato.

Confira mais clicando aqui – Empréstimo para negativado existe?

O que é empréstimo pessoal?

O empréstimo pessoal é um produto financeiro ofertado por bancos e fintechs, dentre outras instituições financeiras. Também conhecido como crédito pessoal, é costumeiramente um produto emergencial.

Ou seja, o usual é solicitar o empréstimo pessoal para resolver situações que não foram previstas como:

  • o acúmulo de dívidas;
  • uma viagem agendada de última hora;
  • uma reforma da casa que foi necessária por imprevistos;
  • para cobrir custos de uma emergência do seu negócio.

O motivo deste produto ser emergencial é que a taxa de juros desta modalidade de crédito costuma ser um pouco mais alta do que os demais produtos, como cartão de crédito, refinanciamento e empréstimo consignado.

Atenção! Somente maiores de 18 anos podem solicitar o crédito pessoal no Brasil.

Onde consigo fazer um empréstimo pessoal?

Você pode fazer um pedido de empréstimo pessoal totalmente online. Existem duas opções:

  1. Fazer a solicitação diretamente com a instituição financeira de interesse: as instituições financeiras, por meio do Internet Banking e de seus aplicativos costumam disponibilizar uma ferramenta (botão) para que você peça a sua análise de crédito. Desta forma você precisará fazer uma solicitação com cada instituição financeira de seu interesse, podendo ser rejeitado ou aprovado conforme o seu perfil de crédito.
  2. Comparar ofertas de empréstimo pessoal: outra opção é encontrar comparadores/buscadores de crédito que contam com diversos parceiros em uma única plataforma. Com um único cadastro, é possível conferir várias opções de crédito pessoal, e quais as condições para fechar com cada financeira parceira do buscador em questão.

Como calcular juros de empréstimo pessoal?

Para calcular a taxa de juros do empréstimo pessoal online, uma série de fatores são levados em consideração:

  1. A instituição financeira escolhida (banco ou fintech);
  2. O perfil do tomador de crédito (análise de crédito);
  3. O valor do empréstimo e a quantidade de parcelas.

Assim, além de cada financeira cobrar juros diferentes, a taxa também depende diretamente do perfil do tomador de crédito. Pois é realizada uma análise de crédito que avalia todo o histórico financeiro do cliente. São levados também em consideração:

  • Idade;
  • Sexo;
  • Número de dependentes;
  • Nível de instrução;
  • Profissão;
  • Renda estimada;
  • Etc.

Para conferir os juros médios das instituições financeiras, acompanhe as publicações semanais do Banco Central (BC) com os juros médios cobrados pelas empresas. Clique aqui para ver.

Qual a melhor empresa para empréstimo pessoal?

Além da taxa de juros, outro importante fator para analisar qual a melhor empresa para empréstimo pessoal é o Custo Efetivo Total (CET). Como visto, os juros dependem de financeira para financeira, além do perfil de cada cliente.

Assim, a melhor empresa de empréstimo pessoal para você pode não ser a melhor para o seu cônjuge ou melhor amigo(a). E vice-versa. A melhor empresa para o seu cônjuge ou melhor amigo(a) pode não ser a melhor para você.

Avaliar o CET de cada oferta ajuda a definir qual a melhor opção para você.

Veja também – Simule seu empréstimo pessoal e receba ofertas pré-aprovadas em até 5 minutos!

O que é CET?

Apresentado como percentual, o Custo Efetivo Total (CET) é a somatória de todos os valores cobrados em uma operação de crédito:

  1. Taxa de juros;
  2. Imposto sobre Operações Financeiras (IOF);
  3. Despesas contratuais;
  4. Despesas com cartório;
  5. Outras despesas.

Importante: conforme normas do Banco Central, a cobrança antecipada é ilegal em território brasileiro. Isto significa que qualquer instituição financeira ou pessoa física que solicita depósitos antecipados está cometendo um crime. Na maioria dos casos, tratam-se de estelionatários (golpistas). Fique atento para não cair em golpes/fraudes bancárias e nunca faça depósitos antecipados.

Por que as financeiras pedem tantos dados?

As instituições financeiras solicitam diferentes dados pessoais para avaliar o grau do risco de inadimplência do perfil de cada consumidor. Afinal, ao conceder o crédito, o banco corre o risco do cliente não pagar as parcelas do empréstimo pessoal tomado.

Para reduzir custos e perdas, as financeiras realizam esta análise de crédito e calculam qual o grau do risco de inadimplência do solicitante:

  • quanto maior esse grau, maior será a taxa de juros;
  • quanto menor esse grau, menor será a taxa de juros;

Para calcular o grau do risco de inadimplência é realizada a análise de crédito, mencionada no tópico anterior.

Como fazer um empréstimo pessoal online?

A FinanZero é uma fintech sueca que atua no Brasil sob o aval do Banco Central como correspondente bancário. Isto significa que a FinanZero não é a credora dos empréstimos, mas sim, uma intermediária entre o consumidor e as instituições financeiras.

Com tecnologia de ponta e criptografia de dados, a FinanZero conta com mais de 40 parceiros em seu marketplace, que permite ao cliente receber até 10 ofertas diferentes com um único cadastro.

A criptografia permite que todos os dados dos consumidores fiquem seguros, o que torna a FinanZero uma opção confiável para a solicitação de crédito pessoal, refinanciamentos e empréstimo consignado.

Conheça o site: finanzero.com.br

Ficou com mais alguma dúvida sobre empréstimo pessoal? Deixe nos comentários e não se esqueça de seguir a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.