Quem é membro do Bolsa Família pode fazer empréstimo, mas ainda fica sujeito à análise de crédito; entenda

O Bolsa Família é um programa social de apoio a famílias de baixa renda. E, apesar de neste ano o valor ter sido aumentado, nem sempre é o suficiente para suprir as necessidades de quem precisa.

Portanto, muitos buscam empréstimo. Mas quem recebe Bolsa Família pode fazer empréstimo?

A resposta é sim. Os beneficiários do programa têm esse direito. No entanto, como qualquer outro que procure crédito pessoal, deve passar pela análise de crédito.

Então, vamos saber mais sobre como é o pedido de empréstimo para membros do Bolsa Família.

Qualquer membro do Bolsa Família pode fazer empréstimo?

Sim. Contudo, assim como qualquer um que tente um empréstimo, você precisa entregar dados que comprovem que sua renda é suficiente para quitar aquele crédito.

Ou seja, passa da mesma forma pela análise de crédito, que avalia o seu perfil e determina o valor liberado, o prazo e a taxa de juros.

Portanto, do mesmo jeito, você tem que entrar documentos como:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de renda; e
  • Por fim, comprovante de endereço.

Logo, quando pedir seu empréstimo, já tenha esses dados em mãos. Assim, agiliza o processo, o que permite receber o dinheiro mais rápido.

O que é Imposto de Renda retido na fonte?

Quais as taxas de juros de um empréstimo?

Ok, já respondemos à questão de se um membro do Bolsa Família pode fazer empréstimo. Agora, vamos à parte dos juros.

Isso porque, assim como outros clientes, quem recebe o benefício também paga taxas ao contratar um crédito. Portanto, fica sujeito às taxas de juros mínimas aplicadas pelos nossos parceiros, que são:

  • Começando em 1,49% a.m. para empréstimo pessoal;
  • Para empréstimo consignado, a partir de 1,29% a.m.;
  • Em refinanciamento de imóvel, 0,89% a.m.;
  • Nos refinanciamentos de veículo, a partir de 1,49%.

Ah, e já deu para notar que você pode pedir mais de um tipo de empréstimo, mesmo recebendo Bolsa Família, né?

Bem, então agora falaremos de cada tipo.

Caixa empréstimo MEI: qual é o ideal para você?

Um membro do Bolsa Família pode fazer empréstimo de qualquer tipo?

Sim! Contanto que você cumpra os requisitos mínimos de cada tipo de empréstimo, todos estão disponíveis para você. Ou seja:

  • Empréstimo pessoal, para aqueles que precisam de dinheiro rápido;
  • Empréstimo consignado, para quem é assalariado, pensionista ou aposentado pelo INSS;
  • Refinanciamento de imóvel, para donos de casa ou apartamento quitados;
  • Refinanciamento de veículo, para quem tem um carro, moto, caminhão ou outro tipo de automóvel em seu nome.

Além disso, também têm empréstimos menos conhecidos disponíveis. Por exemplo:

  • Empréstimo na conta de luz;
  • Empréstimo com garantia de celular.

Ambos também são feitos aqui no site da FinanZero, da mesma forma que as modalidades anteriores.

Com a FinanZero, você encontra o melhor empréstimo para você.

O pagamento do Bolsa Família conta como um comprovante de renda?

Sim. Assim como outros benefícios, como, por exemplo, pensões do INSS, o Bolsa Família é uma forma de renda. Portanto, pode ser o comprovante na hora de pedir o seu empréstimo.

Entretanto, atente-se ao fato de que a parcela do seu empréstimo não pode ser superior a 30% da sua renda. Desse modo, fique dentro dessa margem. Assim, suas chances de ser aprovado naquele crédito aumentam.

Se você precisa de mais dicas sobre motivos que levam à reprovação do seu empréstimo, leia aqui.

Quem não paga IPVA em 2021?

Meu score interfere no empréstimo?

Mesmo para membros do Bolsa Família, ou seja, que recebem benefício de forma estável, o score é importante ao pedir empréstimo.

Isso porque o score, essa pontuação de 0 a 1000, indica a sua fama de bom ou mau pagador. Portanto, ele é usado como parte da análise de crédito, e é peça importante para definir as condições do empréstimo concedido a você.

Na prática, isso impacta quem é negativado, especialmente no que diz respeito aos juros.

Por isso, um membro do Bolsa Família pode fazer empréstimo, mas ele ainda assim depende do score e de se está ou não negativado.

Como pedir empréstimo com garantia de moto?

Qual o passo a passo de um empréstimo na FinanZero?

Você já deve saber que pedir um empréstimo aqui na FinanZero é muito fácil, né? Pois bem. Mas, agora, vamos simplificar ainda mais com esse passo a passo:

  1. Acesse nosso simulador de empréstimo;
  2. Indique o valor que precisa;
  3. Selecione a modalidade;
  4. Escolha o prazo de pagamento;
  5. Preencha os campos dos dados.

Pronto! Agora é só aguardar. Em até 48h, nossos parceiros vão enviar até 10 ofertas de empréstimo para você.

É isso mesmo! Com um único cadastro, você recebe até 10 ofertas de crédito, sem precisar pegar filas ou simular em mais de um lugar.

Em seguida, você opta pela melhor oferta e assina o contrato. Essa parte também é feita online.

No entanto, se o seu empréstimo for um refinanciamento, é possível que você precise cumprir a etapa de vistoria. Para isso, nossa equipe irá marcar uma data e horário com você.

Por que meu empréstimo não foi aprovado?

Por fim, ficou com alguma dúvida sobre onde comprar presente até R$ 50? Ou, então, tem dicas? Comente!

Além disso, siga a FinanZero nas redes sociais: @finanzero no Instagram, /FinanZero no Facebook e @finanzero no Twitter.